IG

A renovação da seleção brasileira, tão pedida pela torcida e por Ricardo Teixeira, presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), começou a se desenhar desde a primeira convocação de Mano Menezes. Ele diminuiu consideravelmente a idade média da equipe, chamou jogadores que nunca tinham sido convocados e surpreendeu com alguns nomes.

O goleiro Renan, do Avaí, o volante Jucilei, do Corinthians, e o meio-campista Éderson, do Lyon, foram algumas das principais novidades na lista de Mano. O primeiro, por exemplo, tem apenas 19 anos, disputou a Copa São Paulo de Juniores de 2009 e só se tornou titular absoluto do time recentemente, quando Antônio Lopes virou seu técnico. Aliás, ele será o primeiro jogador a defender a seleção brasileira enquanto tem contrato com um time de Santa Catarina.

Essas opções de Mano refletem a importância que ele vai dar para a Olimpíada de Londres, que acontecerá daqui a dois anos. Nela, praticamente só participam jogadores que nasceram a partir de 1989. Com isso em mente, o ex-técnico do Corinthians chamou sete atletas que terão condições de jogar em 2012: o próprio Renan, Rafael (Manchester United), Sandro (Inter), Alexandre Pato (Milan), Paulo Henrique Ganso, Neymar e André (todos do Santos). Dessa forma, a idade média da seleção brasileira diminuiu bastante. Na Copa do Mundo, ela era de 28,7. Agora, caiu para 23,1. Os jogadores mais velhos presentes na convocação possuem apenas 27 anos.

Com tanta renovação, era normal que Mano convocasse vários jogadores que nunca vestiram a camisa da seleção brasileira na equipe profissional. Nada menos do que 10 atletas se encaixam nessa situação. Alguns desses já até defenderam o país em mundiais das categorias de base, como Ganso (sub-20), Éderson, Alexandre Pato e Neymar (ambos sub-17). Por outro lado, entre os 14 que já usaram a amarelinha entre os profissionais, só quatro disputaram a Copa do Mundo de 2010: Daniel Alves (Barcelona), Thiago Silva (Milan), Ramires (Benfica) e Robinho (Santos).

Outra expectativa sobre a lista de Mano era se os jogadores com quem ele já tinha trabalhado teriam privilégios. Pois a princípio a resposta é não. Apenas André Santos (Fenerbahçe), Jucilei (Corinthians), Lucas (Liverpool) e Carlos Eduardo (Hoffenheim) foram comandados pelo técnico no passado. Sequer os atletas do Corinthians, time no qual o técnico teve seus melhores momentos, tiveram vantagem na convocação. O clube que contou com mais jogadores convocados foi o Santos (4), seguido apenas pelo Atlético-MG (2).

Vários desses jogadores convocados por Mano Menezes podem não voltar futuramente, já que ele foi obrigado a poupar alguns atletas, principalmente os que atuam fora do Brasil. Mas os conceitos de renovação e mudança foram apresentados e devem pautar o trabalho do técnico daqui para frente.


Veja os 24 nomes da lista divulgada por Mano Menezes e a idade de cada um deles:

Goleiros
Jefferson (Botafogo), 27 anos
Renan (Avaí), 19 anos
Victor (Grêmio), 27 anos

Laterais
Rafael (Manchester United), 20 anos
Daniel Alves (Barcelona), 27 anos
André Santos (Fenerbahçe), 27 anos
Marcelo (Real Madrid), 22 anos

Zagueiros
David Luiz (Benfica), 23 anos
Henrique (Racing), 23 anos
Réver (Atlético-MG), 25 anos
Thiago Silva (Milan), 25 anos

Meio-campistas
Sandro (Inter), 21 anos
Jucilei (Corinthians), 22 anos
Lucas (Liverpool), 23 anos
Ramires (Benfica), 23 anos
Hernanes (São Paulo), 25 anos
Carlos Eduardo (Hoffenheim), 23 anos
Éderson (Lyon), 24 anos
Ganso (Santos), 20 anos

Atacantes
Robinho (Santos), 26 anos
Neymar (Santos), 18 anos
Diego Tardelli (Atlético-MG), 25 anos
Alexandre Pato (Milan), 20 anos
André (Santos), 20 anos