A história de sucesso do Banco do Povo, institiuição fundada há dez anos com o apoio da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, se funde com a história de cada um de seus clientes. Desde o início, o banco vem contribuindo para o desenvolvimento dos microempresários de Vitória da Conquista e demais municípios que atende. São muitas as histórias de sucesso de pequenos empreendedores que antes não tinham acesso ao crédito bancários e, por isso, não tinham como melhorar seus negócios. Hoje, o Banco do Povo já contabiliza cerca de 22 milhões de reais em empréstimos para os associados, que são constituídos em boa parte por mulheres.

Nilma Almeida é um bom exemplo de que tradição e empreendedorismo andam juntos. Ela trabalha com a fabricação de beiju de goma há vinte anos, ofício herdado de sua avó e destaca que só agora tem os meios para movimentar o seu negócio de forma produtiva. “Minha vida mudou da água para o vinho, hoje eu tenho condições de pagar funcionários, comprar matéria prima e movimentar meu comércio. É a melhor maneira de trabalhar que eu encontrei”, enfatizou.

Outra cliente do banco é Dona Joana Maria. Com alegria, ela agradece à instituição pela oportunidade que lhe foi concedida. “Tudo começou como uma brincadeira, eu comprei uma geladeira, mandei reformar e vendi, daí em diante, os vizinhos sempre vendiam as coisas para mim, assim eu comecei”, conta dona Joana. Ela diz que se sente realizada por ter uma forma de ganhar a vida de maneira justa e digna. “Eu sou cliente do Banco desde o início. Eu vou batalhando, pois com o empréstimo meu trabalho melhorou muito”, disse.

Gideon Carneiro, cliente do Banco há oito anos, disse que com o seu ingresso na instituição ele não adquiriu somente  dinheiro, mas também obteve conhecimentos e fez novas relações empresariais. “Eu sempre estou trabalhando com o Banco do Povo, adquiri mais conhecimento, linha de crédito e hoje eu trabalho com muito mais segurança. Enquanto ele existir nós seremos parceiros”, destacou.

Um pouco da história – O Banco do Povo faz parte de um projeto inovador na política brasileira. Hoje constituída como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP – a instituição garante a criação e a sobrevivência de diversos empreendimentos econômicos.O Banco do Povo foi criado na primeira gestão do prefeito Guilherme Menezes e hoje já contabiliza 22 milhões de reais em empréstimos para associados.

Fotos: Emanuel Nem Moraes

SECOM/PMVC