do Ibahia

A polícia ainda aguarda a apresentação do motorista Glaison Batista dos Santos, 30, que dirigia a carreta envolvida no acidente da sexta-feira (4), que provocou a morte de dez estudantes. Eles voltavam de uma gincana escolar na carroceria de um caminhão.

A Prefeitura de São Miguel das Matas, que tem 10,6 mil habitantes, decretou luto oficial de três dias. Nas lojas da cidade e no Colégio Estadual Aldemiro Vilas Boas, onde estudavam os adolescentes mortos, os panos pretos indicam o sofrimento de toda a população.

Na BR-420, saída do município de Laje, ficaram os destroços da carreta e do caminhão que, segundo a Polícia Civil, levava 13 jovens entre 14 e 25 anos.

Segundo testemunhas, o motorista da carreta bi-trem que seguia para Mutuípe perdeu o controle do veículo e bateu no caminhão que transportava os adolescentes. Os dois veículos caíram em uma ribanceira. Dez estudantes morreram.

Os mortos foram velados num barracão no centro da cidade. O momento foi de muita comoção. À noite, o cortejo percorreu as principais ruas de São Miguel das Matas. O sepultamento aconteceu no cemitério local.

Os estudantes Ueverson Alberto Teixeira dos Santos, Jaíse Santos Sales e Joedson dos Santos ainda estão internados no Hospital de Santo Antônio de Jesus. Ueverson, que está em estado grave, aguarda uma vaga no Hospital Geral do Estado (HGE) para ser transferido para Salvador.

Assista o vídeo do Bahia Meio Dia clicando aqui.