WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


:: ‘camaçari’

Chinesa JAC Motors formaliza acordo para se instalar em Camaçari

 

A Tarde
Com investimento de US$ 1,3 bilhão, fábrica vai gerar 13,5 mil postos de trabalho

Uma década após a instalação da fábrica da Ford, a Bahia formaliza, nesta quarta-feira (16), o acordo que vai trazer a segunda planta automotiva para o Polo Industrial de Camaçari. Com um investimento estimado em US$ 1,3 bilhão, a chinesa JAC Motors definiu o Estado como a porta de entrada para a conquista do Brasil. Quando entrar em funcionamento, em 2014, a montadora deverá gerar 3,5 mil empregos diretos e outros 10 mil indiretos para produzir 100 mil carros por ano.

O espaço físico que a fábrica deverá ocupar é semelhante ao ocupado atualmente pela Ford, de aproximadamente 5 milhões de metros quadrados. Ontem, o governador Jaques Wagner disse, no programa Conversa com o Governador, que viajará à China em 10 de dezembro para visitar a fábrica.

Um efeito da chegada da JAC que poderá ser notado ainda no primeiro trimestre do próximo ano, é que a empresa tem a expectativa de passar a importar os veículos pela Bahia entre fevereiro e março. “Inicialmente, farão isso numa estrutura provisória, mas vamos preparar o Terminal da Ford”, explica o secretário da Indústria, Comércio e Mineração (SICM), James Correia.

Futuramente, diz ele, o terminal será ampliado, com um investimento de R$ 100 milhões, para atender as duas montadoras e outras, também interessadas em operar no Estado. “Ao contrário do que dizem, estamos sim na disputa pela fábrica da Volkswagen”, garante James Correia. E de outras, também, “com chances muito boas”.

Irmãos são presos por tráfico de drogas em Camaçari

Tribuna da Bahia/Karoline Meira

 Dois irmãos foram presos no município de Camaçari, acusados de tráfico de drogas.

 Darlony Felipe José Doô, 21 anos , e Denis Sharlon José Doô, 23, foram presos em flagrante no bairro do Gravatá, na Rua Vênus, com 66 trouxinhas de maconha e R$ 120.

Quadrilha acusada de tráfico é presa em Camaçari

do Ibahia

Uma quadrilha envolvida com o tráfico de drogas, no bairro Nova Vitória, em Camaçari, foi desarticulada a partir da prisão de um rival do bando, identificado como Danilo Vaz Ribeiro, 20 anos.

Policiais militares conduziram Danilo para a 18ª Delegacia, na quarta-feira (30), após flagrá-lo chegando à sua residência, no bairro da Lama Preta, com 10 “dolões” de maconha. Um revólver de calibre 38 e seis projéteis intactos, que estavam dentro da casa.

Em seguida, os policiais prenderam os irmãos Valdir, 25, Edmilson, 23,  e Josenilton dos Santos Duarte, 28, Ronivaldo da Silva Araújo, 21, e Wallace Wagner Ramos, 21, todos integrantes de quadrilha rival de Danilo. Com Ronivaldo foram apreendidas uma pedra grande de cocaína e 52 papelotes da droga. :: LEIA MAIS »

Em três dias, dois corpos de bebês são encontrados na região metropolitana de Salvador

do A Tarde

Apesar da chuva, grupo de curiosos permaneceu sobre a ponte para acompanhar o resgate do corpo

Três dias depois que uma menina recém-nascida foi encontrada no lixo em Salvador, outro bebê do sexo feminino foi achado, nesta sexta-feira, 25, pela manhã, dentro de um rio, no município de Camaçari, região metropolitana da capital baiana. A primeira criança foi localizada com vida e passa bem, mas a segunda não teve a mesma sorte: foi achada morta.

Populares encontraram o bebê sob a ponte do Rio Camaçari, no bairro Camaçari de Dentro, no município da Região Metropolitana de Salvador. O corpo da criança estava preso numa parte assoreada do meio do rio, junto a entulho e lixo. Inicialmente, moradores acharam que se tratava de uma boneca, contou dona Justina da Anunciação, moradora da região.

:: LEIA MAIS »

Três homens executam usuário de drogas em Camaçari

Rogério Paiva/Tribuna da Bahia

 Três homens envolvidos com o tráfico de drogas executaram no início da tarde de hoje (13), por volta das 14h30,  Wagner de Jesus dos Santos, 20 anos. O crime ocorreu na Rua da Prainha, na Gleba H, em Camaçari.

 Wagner tinha se dirigido ao Bar do Amaro para comprar vinho quando foi surpreendido pelos criminosos. Ele levou três tiros, na cabeça e no tórax, e morreu na hora.

 Segundo agentes da 18ª Delegacia, em Camaçari, a vítima era usuária de drogas e teria sido morta por causa de dívidas com traficantes da região. Os policiais já têm pistas dos autores dos disparos, que fugiram logo após o crime.

Reconstituição de crime confirma tentativa de assalto contra delegado

Sidnei Matos l A TARDE

Arestides Baptista/Agência A TARDE

Delegados, peritos e outros policiais acompanharam a reconstituição do crime

Delegados, peritos e outros policiais acompanharam a reconstituição do crime

O delegado titular da 18ª CP (Camaçari), Clayton Leão Chaves, 35, foi assassinado porque um dos assaltantes que tentaram levar seu Ecosport o teria reconhecido como policial, acredita a viúva do delegado, a dentista Simone Oliveira. A observação foi feita por ela durante a reconstituição do crime, realizada nesta terça-feira, 8,  na Ladeira das Pedreiras, rua transversal à  Estrada da Cascalheira (Camaçari), onde o delegado foi morto, em 26 de maio último.

O procedimento ratificou a tese de que ele foi  morto numa tentativa de assalto e não numa execução, como   já indicavam as investigações. Integrante da equipe de investigadores da 18ª CP há dois anos, Firmino Domingos afirmou que, embora hoje negue, Reinaldo Valença de Lima, 27 anos, autor dos disparos, confessou, quando preso, que conhecia o delegado Clayton. Ele teria ido à delegacia acompanhado de advogado para liberar sua motocicleta depois de fugir de uma abordagem policial no  bairro de Gleba E, onde mora. :: LEIA MAIS »

Delegado de Camaçari já prendeu seu algoz

do Bahia Noticias

Rinaldo Valença de Lima confessou a autoria dos disparos

image

Há pouco tempo, o delegado Cleyton Leão Chaves, que era titular da 18ª Delegacia de Polícia de Camaçari, e foi assassinado na quarta-feira (26), já prendera um dos três criminosos que, de acordo com as investigações da polícia, tinham o objetivo de roubar seu veículo. Trata-se de Rinaldo Valença de Lima, que confessou a autoria dos disparos. Ele foi solto mediante habeas corpus, requerido pelo advogado e vereador Jorge Curvello (DEM). Sendo assim, não está afastada a possibilidade de o assaltante ter reconhecido o delegado na hora do crime, e por isso ter efetuado o disparo.

Jovem é morta a tiros em via pública de Camaçari

Uma jovem de 23 anos foi morta a tiros por volta das 23h desta quinta-feira (28), no Centro do Município de Camaçari, Região Metropolitana de Salvador, segundo informações da Central de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Centel).

Maristela Assunção dos Santos foi baleada no tórax em via pública. Não há informações do motivo e autoria do crime que será investigado pela 18ª Delegacia (Camaçari). Do Correio

Polícia descarta execução na morte do delegado em Camaçari

Alana Fraga | A TARDE e Carolina Mendonça | A TARDE On Line*

Elói Corrêa | Agência A Tarde 25.07.2008

Delegado Clayton Leão foi morto em uma suposta tentativa de assalto

Delegado Clayton Leão foi morto em uma suposta tentativa de assalto

A polícia considera concluído o caso da morte do delegado Clayton Leão e descarta a hipótese de atentado. As informações foram passadas durante entrevista coletiva concedida à imprensa na manhã desta quinta-feira, 27, pelo delegado-chefe da Polícia Civil, Joselito Bispo, e o secretário de segurança pública, César Nunes.

No entanto, familiares do policial – morto em Camaçari, na manhã desta quarta-feira, 26 – põem em dúvida a versão da polícia. “Meu primeiro sentimento é que foi execução”, disse o tio de Clayton, João Chaves, durante o enterro do sobrinho, ressaltando que a única testemunha do crime, a mulher do delegado, ainda não depôs.

Joselito Bispo e César Nunes disseram que ouviram a mulher do delegado informalmente e que ela teria reforçado a versão de tentativa de assalto seguida de morte. A polícia disse que os três criminosos pretendiam roubar o carro do delegado e chegaram gritando “bora, bora, bora”.

De acordo com a versão da polícia, o delegado reagiu falando “peraí, peraí, peraí” e teria esboçado intenção de pegar a arma. Os criminosos alegaram que viram a arma e atiraram assustados, de acordo com a polícia.
:: LEIA MAIS »

Polícia apresenta às 11h os assassinos do delegado Clayton Leão

Nesta quinta-feira (27), às 11 horas, a Polícia Civil vai apresentar para a imprensa, na Secretaria Estadual da Segurança Pública, no Centro Administrativo da Bahia, os dois assassinos confessos do delegado Clayton Leão, da 18ª Delegacia de Camaçari, assassinado quarta-feira (26), na Estrada da Cascalheira. Os assassinos foram presos em flagrante no mesmo dia do crime, à noite.

Associação de delegados da Bahia emite nota sobre assassinato de colega

A população merece uma resposta e as Instituições exigem essa resposta

Na nota, a Associação afirma que “estamos convivendo com um sistema de segurança pública que sangra na sua própria carne”.
image

Veja a íntegra:
:: LEIA MAIS »

Polícia prende dois suspeitos de matar delegado na Bahia

A polícia prendeu na noite desta quarta-feira (26) dois homens suspeitos de matar um delegado da cidade Camaçari, na Bahia, enquanto ele dava uma entrevista ao vivo para uma rádio.

Horas depois do crime, a polícia encontrou um táxi queimado numa estrada de terra, na zona rural de Camaçari, região metropolitana de Salvador, que pode ter sido usado pelos bandidos. Policiais civis, militares e federais fizeram buscas durante todo o dia para capturar os assassinos de Clayton Leão.

O delegado, de 35 anos, parou o carro em uma estrada para dar entrevista a uma rádio da cidade. Foi quando um veículo, com pelo menos dois homens, se aproximou. Um deles desceu e disparou duas vezes contra o policial que conversava, ao vivo, com os locutores. :: LEIA MAIS »

Camaçari: Corpo de delegado será enterrado nesta quinta

O corpo do Delegado titular da 18ª, Clayton Leão, será sepultado nessa quinta-feira (27), às 10h, no Cemitério Campo Santo.

O delegado foi assassinado na manhã desta quarta-feira (26), enquanto estava dando uma entrevista, pelo celular, para uma rádio de Camaçari. Clayton levou dois tiros na cabeça e morreu na hora.
 
O caso despertou a atenção das autoridades para a questão da segurança pública no estado. O carro utilizado no crime foi encontrado abandonado na Via Parafuso/Pólo Petroquímico de Camaçari. Do Ibahia

Presos dois suspeitos da morte de delegado em Camaçari

Marcelo Brandão l A TARDE

Reprodução TV Globo/Claudionor Junior

Edson dos Santos (E) admitiu que atirou no delegado e Reinaldo Valência dirigiu o veículo

Edson dos Santos (E) admitiu que atirou no delegado e Reinaldo Valência dirigiu o veículo

Policiais civis prenderam dois assaltantes que assassinaram o delegado Clayton Leão Chagas, 35 anos, na quarta-feira, 26, à noite, escondidos numa casa do bairro Gleba E, em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador. Os bandidos Reinaldo Valência de Lima, 25, e Edson dos Santos Cortes, 30, confessaram ter matado Clayton porque ele reagiu a uma tentativa de roubo. O terceiro ladrão que participou do crime continua foragido, mas está identificado.

Os dois suspeitos presos contaram em depoimento, na quarta, à noite, na sede da Coordenadoria de Operações Especiais (COE), que quando abordaram Clayton não sabiam  que ele era delegado.

Os assaltantes admitiram que pretendiam roubar o carro e os pertences. Edson confessou que efetuou os disparos e Reinaldo revelou que dirigiu o táxi usado no crime. A dupla admitiu ter roubado dois outros carros antes de atacar o delegado. Os dois homens foram autuados em flagrante. :: LEIA MAIS »

CAMAÇARI: Delegado é morto a tiros dentro do carro quando dava entrevista

Do Bahia Noticias

O delegado titular da 18º DP de Camaçari, Claiton Leão, foi morto a tiros nesta manhã de quarta-feira (26). Ele foi assassinado no momento em que concedia uma entrevista ao vivo por celular para a Rádio Líder FM.

Segundo o repórter Taynar Barreto, que o entrevistava, o delegado falava  sobre segurança pública e o trabalho que vinha fazendo na cidade. O policial teria marcado de ir pessoalmente até a rádio, porém, não pôde comparecer e acabou sendo entrevistado pelo celular.

O crime aconteceu na estrada Cajazeira de Abrantes, quando Claiton dirigia em direção ao trabalho, acompanhado por sua mulher, que não sofreu nenhum ferimento.

Claiton foi delegado do Comando de Operações Especiais (COE), e desde dezembro de 2008 tornou-se titular em Camaçari. Policias militares, rodoviários e do Coe estão no local do crime. Segundo Taynar, há informação de que os disparos teriam sido feitos de um carro branco ocupado por quatro pessoas. 

 Ouça a entrevista e os disparos que mataram o delegado!

Delegado de Camaçari é assassinado na Via Cascalheira

Thiago Pereira/ tribuna da Bahia

 O delegado titular da 18ª Delegacia (Camaçari), Cleiton Leão Chaves, foi assassinado na manhã desta quarta-feira (26) na Via Cascalheira, sentido Cajazeira de Abrantes, em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador (RMS).

 O delegado concedia uma entrevista a uma rádio local quando foi surpreendido por um motociclista. Cleiton Leão foi atingido na cabeça e morreu no local.

 A polícia ainda não reuniu outras informações acerca do caso. Agentes da 18ª DP e policiais do Comando de Operações Especiais (COE) e do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer) foram deslocados para a região para tentar capturar o responsável pelo crime.

Camaçari: Menino de 12 anos morre afogado em represa no dia do aniversário

CORREIO

Quando Jackson Luís dos Santos Dias acordou na manhã de quinta-feira (20), não poderia imaginar o que lhe aconteceria na data em que completaria 12 anos na companhia dos seus amigos do bairro. No dia do seu aniversário, mais precisamente às 15h, uma tragédia terminou acabando com a alegria do jovem e de todos seus familiares e conhecidos.

O adolescente estava jogando futebol com os amigos quando a bola acabou caindo em uma represa numa localidade conhecida como ‘Santa Helena’. Segundo depoimento de parentes de Jackson à 25ª Delegacia (Camaçari), o garoto foi o responsável por buscar a bola e acabou se afogando. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia