WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


:: ‘buscas’

Para pessoas próximas, sequência de eventos impediram que Sergio Cabral e o filho subissem no helicóptero

G1

Aparelho levando parte do grupo que acompanhava governador do Rio caiu. Sergio Cabral ia com filho para festa de aniversário no dia do acidente. Mariana, namorada de um dos filhos de Cabral, morreu no acidente.

A assessoria de imprensa do Palácio Guanabara confirmou na noite desta segunda-feira (20) que o governador Sergio Cabral havia deixado o Rio de Janeiro na tarde de sexta-feira (17) com o filho Marco Antonio, a namorada dele, Mariana Noleto, e um grupo de amigos para a festa de aniversário do empreiteiro Fernando Cavendish em Trancoso, na Bahia.

O governador Sérgio Cabral acompanha seu filho Marco Antônio no enterro da namorada, Mariana

Ao chegar no aeroporto de Porto Seguro, na Bahia, o grupo iria embarcar em um helicóptero até Trancoso. A aeronave, que não tinha capacidade para levar todos, ia fazer duas viagens. Na primeira leva foram as mulheres e crianças do grupo. Foi quando o helicóptero, com sete pessoas, caiu. Seis corpos já foram encontrados, entre eles, o de Mariana, e o do enteado de Fernando Cavendish, Luca Kfuri de Magalhães Lins, 3 anos. A mulher de Fernando e mãe de Luca, Jordana Kfuri Cavendish, ainda está desaparecida.

O grupo de sete pessoas tinha deixado o Rio para passar o fim de semana no resort do empresário Marcelo Mattoso Almeida, que pilotava o helicóptero. O corpo dele foi encontrado nesta segunda. Cinco corpos já foram enterrados.

O governador e o filho iriam no mesmo helicóptero na segunda viagem, junto com o empreiteiro Fernando Cavendish. Segundo a assessoria do governador, o avião usado pelo grupo para chegar até Porto Seguro foi emprestado pelo empresário Eike Batista. :: LEIA MAIS »

Equipes localizam corpo da nora de Sérgio Cabral, na região da queda de helicóptero em Porto Seguro

REDE BAHIA | G1

Perito do IML diz que família fez reconhecimento da jovem Mariana Noleto. Duas pessoas seguem desaparecidas desde sexta-feira (17).


Equipes que patrulhavam a região do acidente com um helicóptero na praia de Itapororoca, em Trancoso, sul da Bahia, localizaram o corpo de uma mulher pouco antes da meia-noite deste domingo (19). De acordo com funcionário do IML de Porto Seguro, familiares teriam reconhecido o corpo como sendo o da jovem Mariana Noleto, namorada do filho do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral.

Corpo de Mariana Toledo, namorada do filho de Sérgio Cabral, foi reconhecido por familiares na noite deste domingo

O acidente com o helicóptero ocorreu na noite de sexta-feira (17). A aeronave levava sete pessoas que tinham deixado o Rio para passar o fim de semana no resort do empresário Marcelo Mattoso Almeida, que estava pilotando o helicóptero. Duas pessoas seguem desaparecidas.

De acordo com o vice-almirante Carlos Autran de Oliveira Amaral, comandante do 2° Distrito Naval, a guarda noturna localizou o corpo boiando no mar e o encaminhou para o Departamento de Perícia do Instituto Médico Legal (IML) de Porto Seguro. A Marinha mantém na área os navios Patrulha Gravataí e Varredor Albardão, que prestam auxílio nas buscas na região.

O perito do IML Antônio Manoel informou, por telefone, que o corpo da jovem estava conservado e que a família fez o reconhecimento por volta das 2h desta segunda-feira (20). :: LEIA MAIS »

Helicóptero com nora do governador Sérgio Cabral cai em Porto Seguro

Rede Bahia | G1

Acidente ocorreu na noite desta sexta-feira. Polícia confirmou três mortes até o momento. Namorada do filho do governador do Rio de Janeiro estava a bordo.

Assessoria de Sérgio Cabrail confirma que a nora estava a aeronave. Entretanto, ela não está entre os corpos localizados

Um helicóptero caiu na noite desta sexta-feira (17) nas águas da praia de Ponta de Itapororoca, no município de Porto Seguro, litoral da Bahia, com sete pessoas a bordo, de acordo com informações da Polícia Militar (PM).

Segundo a PM, três corpos foram encontrados e resgatados: um corpo de uma mulher e outros de duas crianças. Uma mulher foi resgatada com vida e encaminhada ao hospital Luis Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, por volta das 23h.

A aeronave caiu no mar, e as buscas continuam durante toda a madrugada. Equipes de resgate da Marinha estão na região à procura de sobreviventes. A Coelba – Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia – disponibilizou iluminação na região para realização da operação. :: LEIA MAIS »

Parede falsa, encontrada pela polícia na casa de Bola, pode conter os restos de Eliza Samudio

do Último Segundo | Rede Globo

Buscas pelo corpo da ex-modelo também serão realizadas no sítio do goleiro Bruno, em Esmeraldas. 

 Polícia retoma buscas na casa de Bola

Policiais civis encontraram nesta quarta-feira uma parede falsa na casa do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, na rua Araruama, no bairro Santa Clara, em Vespasiano, região metropolitana de Belo Horizonte. Os agentes derrubaram a parede, mas ainda não há informações sobre o que havia atrás. O Corpo de Bombeiros foi acionado e está indo para o local. Técnicos do Departamento de Geologia da Universidade Federal de Minas Gerais estão na casa com um equipamento chamado GPR. Ele faz um raio X do terreno para ver onde existam locais ocos ou com terra fofa. O menor J., de 17 anos, disse em depoimento que ouviu Luiz Henrique Romão, o Macarrão, dizer que Bola havia concretado os restos mortais de Eliza.

Também serão realizadas buscas hoje à tarde no sítio do Bola e do goleiro Bruno, ambos em Esmeraldas (MG). Eles tentam encontrar vestígios do corpo de Eliza Samudio, de 25 anos, ex-amante do atleta e desaparecida desde o início de junho. Nesta terça-feira (13), a polícia e os peritos estiveram no sítio do goleiro para realizar exames e análises periciais em dois cômodos.

:: LEIA MAIS »

Sem corpo, polícia diz que pode indiciar Bruno com base em relatos de testemunhas e na aparição do bebê

do Terra | Globo.com

Advogado Jader Marques, da familia de Eliza, diz que polícia está no caminho certo nas investigações 

O delegado-chefe do Departamento de Investigação de Homicídios e de Proteção à Pessoa de Belo Horizonte, Edson Moreira, disse no final da tarde desta segunda-feira que o goleiro Bruno, do Flamengo, e outras pessoas que supostamente estão envolvidas no desaparecimento de ex-amante do jogador Eliza Silva Samudio, 25 anos, podem ser indiciados pelo crime de homicídio mesmo que o corpo da estudante não seja encontrado.

“A gente (polícia) quer achar a materialidade direta da prova (o corpo). Se for não possível, as investigações indicam a materialidade indireta. Nós temos provas testemunhais, vestígios e o principal, o filho dela que foi encontrado. Uma mãe jamais vai soltar um filho desse jeito. A criança é o cerne da questão”, disse o delegado. As investigações da polícia indicam desaparecimento com provável homicídio seguido de ocultação de cadáver.

O delegado confirmou ainda que as manchas avermelhadas encontradas pela perícia no jipe de Bruno, por meio da substância Luminol, são de sangue humano. O material colhido está sendo analisado e comparado com o DNA do pai de Eliza e do bebê, de 4 meses, que seria filho de Bruno. Quando a criança foi localizada, o Instituto de Criminalística colheu saliva do bebê e do avô.A policia confirmou ainda que o par de sandálias e de óculos encontrados dentro do carro de Bruno foram reconhecidos por testemunhas como sendo de Eliza. O goleiro e o amigo Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, serão intimados até no máximo a próxima semana para prestar depoimento no Departamento de Investigação, em Belo Horizonte.

Nova York encontra mais 72 corpos de vítimas do 11 de Setembro

do G1

Cadáveres estavam em área que vinha sendo rastreada desde abril. Trinta e sete corpos estavam sob a West Street, próximo às antigas torres.

Autoridades municipais de Nova York afirmaram que uma nova busca nos destroços no local do World Trade Center e nos arredores achou 72 corpos humanos, de vítimas dos atentados do 11 de Setembro.

O rastreamento começou em abril e terminou na sexta-feira passada. Trinta e sete dos corpos estavam sob a West Street, que passava ao lado das Torres Gêmeas. Eles só foram achados agora porque uma obra tornou o local acessível. A cidade começou as novas buscas por corpos do atentado em 2006, e mais de 1.800 cadáveres foram achados.

do G1

Cadáveres estavam em área que vinha sendo rastreada desde abril. Trinta e sete corpos estavam sob a West Street, próximo às antigas torres.

Autoridades municipais de Nova York afirmaram que uma nova busca nos destroços no local do World Trade Center e nos arredores achou 72 corpos humanos, de vítimas dos atentados do 11 de Setembro.O rastreamento começou em abril e terminou na sexta-feira passada. Trinta e sete dos corpos estavam sob a West Street, que passava ao lado das Torres Gêmeas. Eles só foram achados agora porque uma obra tornou o local acessível. A cidade começou as novas buscas por corpos do atentado em 2006, e mais de 1.800 cadáveres foram achados.

Corpo encontrado em represa é de advogada desaparecida, confirma SSP

Fabiana Marchezi e Solange Spigliatti, do estadão.com.br

SÃO PAULO – A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo confirmou no início da tarde desta sexta-feira, 11, que o corpo encontrado na represa de Nazaré Paulista, no interior de São Paulo, é da advogada Mércia Nakashima. Mércia estava desaparecida desde 23 de maio.

Reprodução

Reprodução

Nesta quinta-feira, carro da advogada foi encontrado em uma represa de Atibaia

 

De acordo com os bombeiros, um pescador avistou o corpo boiando na outra margem da represa, perto de onde foi achado o carro da advogada na quinta-feira, 10.

Na tarde de ontem, foi encontrado o veículo da advogada, de 28 anos, que estava desaparecida desde o último dia 23 em Guarulhos, na Grande São Paulo. O Honda Fit estava submerso no Reservatório de Atibainha, que integra o Complexo Cantareira, em Nazaré Paulista. O celular dela e um edredom estavam no veículo.

Niterói: seguem as buscas onde 200 podem estar soterrados

Bombeiros fazem buscas no Morro do Bumba à noite Foto: AP

            Bombeiros fazem buscas no morro do Bumba à noite  – Foto: AP

Homens do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Força Nacional de Segurança prosseguem os trabalhos de resgate no morro do Bumba, em Niterói (RJ), onde, na noite de quarta-feira, um grande deslizamento de terra soterrou dezenas de casas. Até agora, foram resgatados 17 corpos. Durante a madrugada não foram encontradas novas vítimas. Os Bombeiros estimam que 200 pessoas possam estar soterradas.

Segundo a concessionária de energia elétrica Ampla, na área devastada, de cerca de 600 m, existiam 94 residências cadastradas para receber eletricidade, o que permite estimar um número de mortos que pode passar de 300. Além disso, foram atingidas uma creche, uma igreja e uma pizzaria, segundo o secretário de Saúde e Defesa Civil do Estado, Sérgio Côrtes, que acompanhou o trabalho de resgate na manhã de quinta-feira.

O prefeito de Niterói, Jorge Roberto Silveira, disse que sabia que a comunidade do morro do Bumba tinha sido construída sobre um antigo lixão, mas não imaginava que representasse qualquer risco. Silveira afirmou que, se soubesse da gravidade da situação, teria providenciado o reassentamento dos moradores. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia