Mário Feitosa de Lima, ou Telmo, é acusado de matar e enterra evangélico.

A Polícia Civil em Delmiro Gouveia divulgou na tarde desta quarta-feira, 18, a foto do principal acusado de matar e enterrar o evangélico Paulo Gilberto Feitosa, 51, cujo corpo foi encontrado no último dia 10, enterrado no quintal da sua residência, localizada periferia de Delmiro Gouveia, cidade a 283 quilômetros de Maceió.
De acordo com o chefe de operações da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia, Carlos Henrique, o principal suspeito do crime é um homem identificado como Mário Feitosa de Lima, de 52 anos, conhecido como Telmo.
Ainda segundo a PC, vítima e acusado se conheciam desde a infância e teriam se reencontrado há pouco tempo, quando Telmo foi contratado para realizar serviço de lanternagem para o irmão Paulo, como era conhecido o evangélico.
Oito testemunhas já depuseram ao delegado Guilherme Sillero, titular da regional. Foram analisadas imagens do circuito de segurança do Banco do Brasil, que flagou o momento em que o acusado sacou mais de R$ 500 em nome da vítima, além da movimentação financeira do evangélico. Segundo o chefe de operações, “foram encontradas importantes provas documentais para a montagem desse quebra cabeça”.
A polícia também localizou os móveis da vítima, que teriam sido comercializados pelo acusado para diferentes pessoas. Os agentes trabalham, agora, para realizar a captura de Telmo, que está desaparecido desde o crime. Quem tiver informações sobre seu paradeiro pode entrar em contato com a Polícia Civil pelo telefone (82) 3641-5341 begin_of_the_skype_highlighting              (82) 3641-5341      end_of_the_skype_highlighting.

Veja mais AQUI e AQUI.

MaisNotícias/Notícias Cristãs