Eles utilizaram uma frase fora de contexto sobre o comentário que eu fiz no meu programa

O radialista Herzem Gusmão, que comanda um programa em uma emissora da cidade de Vitória da Conquista, disse ser vítima de uma armação de adversários políticos locais, uma vez que é pré-candidato a deputado federal pelo PMDB, partido que dirige no município. Semanas atrás, Gusmão foi acusado de ato racista, em pleno ar, ao questionar o porquê do rapto de uma criança negra. “Eles utilizaram uma frase fora de contexto sobre o comentário que eu fiz no meu programa de rádio a respeito do rapto da garota Yasmin, de apenas 5 anos, para divulgarem que eu sou racista. Isso é uma tremenda tolice. Sou neto de negros. Não tem nem cabimento”, refutou. Segundo ele, a frase supostamente editada se referia aos motivos do ato dos criminosos, e não à cor da criança, o que afastaria qualquer conotação racista no episódio. Do Bahia Noticias