WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘satanismo’

Padre argentino afirma que músicas da Xuxa são satânicas

O padre Manuel Acuña apontou um trecho no qual Xuxa supostamente diz “Louvado seja o demônio”

Padre argentino afirma que músicas da Xuxa são satânicas, assista!

A lenda urbana de que músicas da Xuxa Meneghel são satânicas chegou à Argentina. No dia 6 de junho, no programa Animales Sueltos, da America TV, um padre exorcista apontou músicas de alguns cantores que, segundo ele, contêm venerações ao chifrudo quando tocadas ao contrário.

A música Dança da Xuxa, em espanhol, foi uma delas. O padre Manuel Acuña (foto) apontou um trecho no qual Xuxa supostamente diz “Louvado seja o demônio”.

O padre mistificador deve ter feito uma pesquisa no Youtube, onde há dezenas de vídeos que exploram a tal lenda. O mais famoso deles é do pastor Josué Yrion, um brasileiro radicado na Califórnia.

Além de detectar mensagens de veneração ao maligno, Yrion diz que Xuxa bebe sangue humano duas vezes por ano na Igreja do Satanás, em São Francisco (EUA), e que a boneca que leva o nome dela matou uma menina.

E tem gente que acredita nisso ou finge acreditar por conveniência. A Folha Universal, por exemplo, aproveitou esse vídeo para produzir um texto de mais de mil palavras no qual insinua que a apresentadora da TV Globo vendeu a alma para o diabo.

Nos últimos anos, a Igreja Católica tem retomado com certo vigor a prática do exorcismo, em uma volta à Idade Média. Fonte: Paulopes

Pastor alerta sobre o filme Eclipse, da saga Crepúsculo: “Não há como negar a existência do vampirismo”

Lançado no dia 30 de junho, Eclipse, terceiro filme da saga Crepúsculo, bateu recorde de público até o momento. Por trás da história romântica teen que envolve a cultura gótica, vampírica, está um contexto perigoso. O alerta partiu do pastor da Igreja das Américas em Nova Friburgo (RJ), Silas Rahal. Conhecido por realizar evangelismo com comunidades undergrounds, Rahal lembra que algo errado está acontecendo com a juventude, até mesmo a cristã, que cada vez mais está sendo atraída por esta cultura.

Uma boa prova do sucesso da saga são os números. Foram 100 milhões de livros vendidos e no cinema, desde o lançamento, só no Brasil, mais de dois milhões de espectadores – principalmente adolescentes e crianças são seduzidos pela trama fácil e com ícones românticos. :: LEIA MAIS »

Bruxo diz que feitiçaria é do bem e afirma que evangélicos não sofrem preconceito

Bruxo diz que feitiçaria é do bem e afirma que evangélicos não sofrem preconceitoBruxos estão revoltados com a imagem passada pela procuradora aposentada Vera Lúcia Sant’Anna Gomes sobre a bruxaria. A acusada de torturar a menina de 2 anos que ela pretendia adotar faz parte de diversas comunidades virtuais ligadas ao tema. Segundo o terapeuta holístico e membro da comunidade no Orkut ‘Bruxaria Natural’, Newton Souza, de 30 anos, a bruxa Vera denegriu a imagem do ritual. “Fazemos ritos para o bem, é um culto à mãe natureza. Não serve ao mal”, garantiu.

Newton acredita também que a procuradora só está sendo citada como bruxa por preconceito. “A bruxaria é perseguida há mais de dois mil anos. Se ela fosse católica ou evangélica, ninguém estaria falando nada”, afirmou.

:: LEIA MAIS »

Vaticano absolve os Beatles de “blasfêmia” e “satanismo”

 

A Igreja Católica ofereceu seu perdão à blasfêmia e aos excessos dos anos de sexo, drogas e rock and roll protagonizados pela banda que um dia afirmou que o cristianismo iria acabar e se autointitulou “mais popular do que Jesus Cristo”: os Beatles.

Em um artigo intitulado Sete Anos que Abalaram a Música, o jornal do Vaticano L’Osservatore Romano chamou o grupo de “joia preciosa”.
O texto lembra que, segundo alguns comentaristas, os Beatles divulgavam mensagens misteriosas, tidas por alguns até como “satânicas”.
“É verdade que eles tomaram drogas, viveram uma vida de excessos por causa do seu sucesso, e até disseram que eram mais famosos do que Jesus”.
“No entanto, ao ouvir suas canções, tudo isso parece distante e insignificante”.
“Eles podem não ser o melhor exemplo da juventude da época, mas não eram, de maneira nenhuma, o pior. Suas belas melodias mudaram a música e continuam a dar prazer”, diz o artigo. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia