WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


:: ‘padres’

Amantes de padres católicos pedem fim de celibato em carta aberta

Representantes de um grupo de mulheres que dizem ter relações sentimentais com sacerdotes católicos divulgaram uma carta aberta que enviaram ao Vaticano para pedir o fim do celibato para os padres.
O grupo é formado por cerca de 40 mulheres de várias cidades da Itália, que tiveram ou ainda têm um relacionamento com padres católicos. Elas se conheceram e se comunicam através da internet.
Elas dividem experiências e pedem orientações. A maioria prefere manter a própria identidade sob sigilo.
Recentemente, 10 mulheres deste grupo escreveram uma carta aberta ao papa, pedindo que o celibato seja eliminado ou se torne opcional.
“Estamos acostumadas a viver de forma anônima os poucos momentos que os padres nos concedem e vivemos diariamente o medo e as inseguranças dos nossos homens, suprindo suas carências afetivas e sofrendo as consequências da obrigação do celibato”, diz o texto da carta, que foi enviada a 150 órgãos de imprensa italianos.
:: LEIA MAIS »

Fifa punirá ‘comemoração religiosa’

Jamil Chade/O Estado de S.Paulo

 

A Fifa pediu aos jogadores de futebol moderação na expressão de fé durante a Copa da África do Sul, que começa em 10 dias. Um comunicado já foi enviado às federações de futebol dos países que disputarão a competição na tentativa de impedir que seus atletas festejem gols e vitórias com mensagens religiosas. E o Brasil é um dos que mais preocupam a Fifa quando se trata de manter religião e futebol separados. O uso de mensagens escritas em camisetas por baixo do uniforme já é proibido. Mas, em várias ocasiões, atletas têm esperado o final da partida para rezar e exibir mensagens.

 A primeira grande polêmica surgiu quando o Brasil ganhou da Alemanha em 2002 e conquistou o penta. Há um ano, o tema voltou a fazer parte de debates da Fifa na conquista da Copa das Confederações, na África do Sul.

As autoridades esportivas insistem que não querem transformar a Copa em evento político ou religioso. Mas vivem situação delicada, já que a aplicação de multas pode dar a polêmica impressão de cerceamento religioso.

:: LEIA MAIS »

PJ investiga três novos casos de padres católicos

Vaticano defende decisão de não destituir padre acusado de abuso

Papa aceita renúncia de bispo irlândes após escândalos de pedofilia

CIDADE DO VATICANO – O Vaticano anunciou nesta quarta-feira que o Papa Bento XVI aceitou a renúncia do bispo irlandês John Magee, de 73 anos, acusado de negligenciar relatos de abusos sexuais em sua diocese, em Cloyne. Não foram divulgados detalhes sobre a renúncia de Magee. Antes de ser nomeado na Irlanda, ele foi secretário dos papas Paulo VI, João Paulo I e João Paulo II. A renúncia do bispo é o mais recente resultado de uma série de escândalos de pedofilia que vem abalando a imagem da Igreja Católica na Europa.

Magee deixou de realizar suas tarefas diárias no ano passado para lidar com as investigações sobre os abusos. Investigações promovidas pelo governo irlandês deram origem a um relatório divulgado no ano passado com relatos de abusos sexuais contra crianças dentro de outras dioceses da Igreja na Irlanda, e supostos esforços dos religiosos para encobrir os casos. :: LEIA MAIS »

Novas denúncias são feitas contra padres e freiras na Alemanha

Ex-alunos do coral de Regensburger denunciaram quatro padres e duas freiras por pedofilia na Alemanha. Os casos são referentes as décadas de 70 e 80. Por três décadas [1964-1994], o coral foi regido pelo bispo Georg Ratzinger, irmão do papa Bento 16.

Desde janeiro, a Igreja Católica alemã é alvo de uma série de acusações de abusos sexuais e violência contra crianças em escolas e internatos nos anos 70 e 80.

CPI da Pedofilia vai apurar assédio de padres a coroinhas em Alagoas

MACEIÓ, SÃO PAULO – Integrantes da CPI da Pedofilia visitarão a cidade de Arapiraca, em Alagoas, onde os padres Luiz Marques, Edílson Duarte e Raimundo Gomes são acusados de pedofilia. Os três foram afastados pelo bispo Valério Breda.
A polícia afirma que recebeu novas denúncias de ex-coroinhas. O advogado dos padres, Daniel Fernandes, diz que seus clientes estão sendo vítimas de chantagem por parte dos ex-coroinhas.
A comunidade está dividida: parte acredita que os rapazes tentam chantagear os padres. Outros estão chocados com as informações. Os três padres foram afastados pelo bispo. Várias igrejas estão fechadas por falta de fiéis. Casamentos foram adiados a pedido dos noivos. Um dos ex-coroinhas, Fabiano Ferreira, de 20 anos, diz que foi abusado desde os 9 anos e que, 10 anos atrás, tentou denunciar o caso, mas nada foi feito pela polícia. :: LEIA MAIS »

Padres envolvidos em escândalo sexual são afastados em Arapiraca



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia