WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


:: ‘ex-prefeito’

RMVC: Projeto de Marcelino Galo é equivocado, afirma Zé Raimundo

Blog do Marcelo

Deputado estadual afirma que a cidade é um pólo e não uma metrópole, e que a região tem questões mais urgentes a serem tratadas.

Durante o coquetel de lançamento de seu novo site na internet, em conjunto com o deputado federal Waldenor Pereira, o deputado estadual José Raimundo Fontes (PT-BA) revelou o que pensa sobre uma provável instalação da Região Metropolitana de Vitória da Conquista, projeto elaborado pelo colega de partido, o também deputado estadual Marcelino Galo.

Fontes, que também é ex-prefeito do município, disse que cabe ao Governo do Estado o papel de apresentar o projeto ao Legislativo. Para ele, o projeto (apresentado por Galo) não tem nenhuma base científica, extrapolando o conceito de “região metropolitana”. Vitória da Conquista, enquanto polo econômico do Sudoeste, não se aplica ao mesmo, disse o deputado, revelando que alguns municípios citados já rejeitam sua inclusão à “metrópole conquistense”, como Jequié por exemplo.

MORRO DO CHAPÉU: Morre ex-prefeito Wilson Dourado Lima

Faleceu na última semana, o ex-prefeito do município de Morro do Chapéu, Wilson Dourado Lima. O ex-prefeito se recuperava de uma colisão após cair de um cavalo em sua fazenda, em casa, sofrera uma queda agravando o seu quadro clínico, não resistindo, veio a falecer.

Wilson Dourado Lima exerceu o mandato de prefeito por duas vezes, sendo que o primeiro entre 1977/1983 e o segundo entre 1993/1996. Conhecido como o prefeito de grandes micaretas, foi ele quem trouxe o primeiro trio elétrico, realizando também, históricas construções a exemplo do Colégio Teotônio Marques Dourado Filho, Clube Municipal, entre outras, deixando um marco na história da cidade. Do Blog do Anderson

CORDEIROS: Ex-prefeito, Djalma Gusmão, tem contas rejeitadas pelo TCM

Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou nesta quarta-feira (12), as contas da Prefeitura de Cordeiros, da responsabilidade de Djalma Gusmão da Silva, relativas ao exercício de 2008. 

Djalma Gusmão que é um dos nomes cotados para disputar uma vaga a deputado estadual pelo PMDB de Vitória da Conquista, foi determinado a devolver aos cofres do município o montante de R$ 12.787,39, referente a ausência de comprovação de despesa, e imputou multa de R$ 5 mil, que pode recorrer da decisão. 

A prestação de contas foi encaminhada ao tribunal fora do prazo estabelecido, além de não constar nenhuma comprovação de que foram colocadas em disponibilidade pública. 

A análise técnica constatou ainda a abertura de crédito adicional suplementar sem a indicação dos recursos correspondentes, indo de encontro às leis que regem o assunto. 

Foram abertos créditos adicionais suplementares no total de R$ 6.384.139,27 e contabilizados na quantia de R$ 6.382.139,27, divergindo em R$ 2 mil. Do Blog do Anderson



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia