Do G1, em São Paulo

A Polícia Federal prendeu, nesta quarta-feira (10), 39 pessoas em uma operação de combate a fraudes em licitações e desvio de dinheiro público na Bahia. Entre os presos então seis prefeitos de cidades do interior do estado.

A Operação Carcará, como é chamada, ocorre em conjunto com a Controladoria-Geral da União e o Ministério Público Federal.

Foram apreendidos documentos e automóveis durante a ação, que ainda não foi encerrada.

De acordo com a Polícia Federal, encontradas irregularidades em 20 cidades baianas durante as investigações. Existe a suspeita de que verbas da União que deveriam ser usadas na aquisição de medicamentos, merenda escolar e execução de obras públicas foram desviadas. O prejuízo chega a R$ 60 milhões, segundo estimativa da CGU.

A polícia afirma que todo o material apreendido durante a operação será analisado para que, ao término da investigação, seja apresentado um relatório ao Ministério Público Federal.