do Terra

A Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Banco do Nordeste abriram nesta quarta-feira uma linha especial de crédito de R$ 1 bilhão com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para empresários prejudicados pelos fortes chuvas que castigaram o Estado de Alagoas.

Em reunião em Maceió (AL) com representantes da classe empresarial de 19 cidades afetadas pelas chuvas, porta-vozes dos três bancos anunciaram a aprovação dos créditos, que terão juros reduzidos e prazo ampliado para pagamento.

O crédito, com um prazo total de 10 anos e de 24 meses para a primeira parcela do pagamento, poderá ser utilizado em investimentos, capital de giro e compra de equipamentos e maquinário. Os comerciantes informais não terão acesso às linhas de crédito.

Os prejuízos econômicos, sociais e ambientais pelas fortes chuvas que devastaram as 19 cidades em Alagoas chegaram a US$ 1 bilhão, segundo cálculos da Defesa Civil na última semana. As enchentes deixaram causaram 37 mortes no Estado, e pelo menos 14 em Pernambuco. Cerca de 37 mil pessoas estão sem suas casas e recebem atendimento dos organismos de socorro.