Com a presença do governador do Estado, Jaques Wagner, a Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária, Seagri, lança nesta quinta-feira, dia 1º de julho, às 9 horas, na Fundação Luis Eduardo Magalhães, (FLEM) o Plano Agrícola e Pecuário do Estado da Bahia (PAP-BA), para a safra 2010/2011. Para esta safra, o PAP-BA vai disponibilizar R$ 4,2 bilhões para a agropecuária, dos quais R$ 1 bilhão exclusivamente para agricultura familiar. O plano contempla uma série de contribuições para o fortalecimento e a expansão da agropecuária baiana.

A meta da Seagri para a safra 2010/2011 é superar a de 2009/2010 que deverá alcançar 6,5 milhões de toneladas de grãos, fibras e cereais, o que representa crescimento de 16,5% em relação à safra 2008/2009, quando a Bahia colheu 5,58 milhões de toneladas de grãos.

O Plano Agrícola e Pecuário do Estado da Bahia 2010/2011 reforça o incentivo às práticas agroeconômicas que visam compatibilizar o aumento da produção e a sustentabilidade ambiental. Para tanto, serão pactuados com o Banco do Brasil ações no sentido de apoiar os Programas de Desenvolvimento da Seringueira e do Dendê, importantes atividades econômicas para as regiões do Baixo Sul, Litoral Sul e Extremo Sul do Estado.

O plano também contempla o Programa Crédito Assistido, uma parceria do governo do Estado através da Seagri com o Banco do Nordeste do Brasil, que visa direcionar, orientar e acompanhar o crédito para que o agricultor familiar possa utilizar melhor os recursos obtidos.

Seagri Imprensa