WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


abril 2020
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  


:: 21/abr/2020 . 10:13

Vamos orar: IRAQUE

No Iraque, muitas crianças têm transtornos de aprendizagem e apresentam estado permanente de medo

  • Tipo de Perseguição: Antagonismo étnico, paranoia ditatorial, opressão islâmica, corrupção e crime organizado, protecionismo denominacional
  • Capital: Bagdá
  • Região: Oriente Médio
  • Líder: Barham Salih
  • Governo: República parlamentarista
  • Religião: Islamismo, cristianismo e outras
  • Idioma: Árabe, curdo, turcomeno, siríaco, armênio
  • Pontuação: 76

POPULAÇÃO: 40,4 MILHÕES

POPULAÇÃO CRISTÃ: 202 MIL

Com 76 pontos, o Iraque se classificou em 15° na Lista Mundial da Perseguição 2020. A pontuação do Iraque caiu de 79 para 76 pontos, indo da 13ª para a 15ª colocação. A pontuação média para pressão permaneceu no mesmo nível extremo de 14,1 pontos. Entretanto, a pontuação para violência caiu de 8,1 para 5,6 pontos, principalmente devido a menos relatos de cristãos mortos e igrejas atacadas. A pontuação atual para violência continua alta e a influência do Estado Islâmico sobre a população ainda é evidente. Cristãos continuam sendo feridos física e mentalmente, ameaçados e violentados sexualmente.

Atos de violência contra cristãos (tradicionais) são mais cometidos por militantes islâmicos, considerando que convertidos ex-muçulmanos geralmente enfrentam violência de parentes. Embora algumas famílias cristãs tenham voltado para suas casas, a migração de cristãos continua devido ao medo e falta de esperança por um bom futuro.

As igrejas no país são seriamente afetadas pela perseguição, especialmente por militantes de grupos islâmicos e líderes não cristãos. Elas também enfrentam discriminação das autoridades governamentais. No Centro e Sudeste do Iraque, cristãos com frequência não mostram publicamente símbolos cristãos (como a cruz), já que isso pode levar a assédio ou discriminação em postos de controle, universidades, locais de trabalho e prédios do governo. Mesmo cristãos no Curdistão iraquiano tem declaradamente removido cruzes de seus carros para não atrair atenção indesejada. :: LEIA MAIS »

Em carta, cristão preso no Irã agradece pelo apoio da família da fé

Nasser Navard teve muitos problemas de saúde na prisão de Evin e ainda corre risco de ser contaminado pela COVID-19 (foto: Article 18)

Nasser Navard teve muitos problemas de saúde na prisão de Evin e ainda corre risco de ser contaminado pela COVID-19 (foto: Article 18)

A COVID-19 chegou ao Irã e fez 4.585 vítimas fatais até o dia 13 de abril, garantiu o Ministério da Saúde iraniano. Até agora, foram contabilizados 73 mil casos de coroanavírus no território. Uma das medidas do governo para interromper o rápido contágio foi a libertação de 83 mil presos, dentre eles estavam cristãos com penas mais brandas. Porém, ainda existem seguidores de Jesus que correm risco de serem contaminados pela pandemia, já que vivem em condições insalubres nas prisões do país.

Nasser Navard Gol-Tapeh é uma dessas pessoas que teve o pedido de liberdade negado pela justiça. Ele foi condenado a 10 anos de prisão por frequentar uma igreja em Teerã e agora cumpre a pena na prisão de Evin, que também fica na capital iraniana. Em fevereiro, o cristão de 58 anos teve a petição por um novo julgamento atendido, mas a licença temporária não. Em uma carta divulgada pelo site britânico Article 18, Nasser agradece as orações pela saúde dele e revela o desejo de estar novamente com os irmãos na fé. A Portas Abertas promoveu uma campanha de cartões para encorajar o cristão e já divulgou uma carta anterior dele.  :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia