WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


:: ‘Sensus’

Sensus libera acesso a dados de pesquisas para todos os partidos

O Sensus informou que vai liberar ao PSDB, às 16h desta sexta-feira, 16, o acesso aos controles internos da pesquisa sobre a corrida presidencial que foi colocada sob suspeita pelos tucanos. O instituto informou também que vai abrir os dados para a imprensa e aos demais partidos que participam da disputa. A informação é do diretor do Sensus, Ricardo Guedes. Desde a manhã desta sexta, duas pessoas – um especialista em pesquisas eleitorais e um digitador – se encontram na portaria da empresa, em Belo Horizonte, aguardando a permissão para recolher informações sobre a último levantamento presidencial feito pelo instituto.

O partido conseguiu na quinta-feira, 15, autorização do Tribunal Superior Eleitoral para ter acesso ao sistema interno de controle e coletar dados da pesquisa, como o nome dos entrevistadores, mapas e planilhas, com base no artigo 13 da Resolução 23.190. Os dois técnicos do PSDB apresentaram a decisão do ministro Joelson Dias autorizando a auditoria na pesquisa, mas o instituto alega que não foi oficialmente notificado. O Estado apurou que o Sensus pretende deixar os técnicos entrarem apenas às 16h. :: LEIA MAIS »

PSDB consegue autorização para entrar no Sensus

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acatou pedido do PSDB e autorizou a fiscalização na sede do instituto Sensus, em Belo Horizonte. A iniciativa tem como objetivo esclarecer como foi feita a última pesquisa de intenção de voto divulgada pela entidade na terça-feira. O levantamento deu empate técnico entre os pré-candidatos do PSDB, José Serra, e do PT, Dilma Rousseff.

Os advogados do PSDB questionam alterações feitas no registro da pesquisa junto ao TSE – o nome do contratante, que por lei deve ser apresentado à Justiça Eleitoral, foi alterado quatro dias após a apresentação dos dados.

:: LEIA MAIS »

PSDB entra com representação no TSE contra pesquisa Sensus

BRASÍLIA – O PSDB entrou nesta quarta-feira com representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o Instituto Sensus, questionando a divulgação da última pesquisa de intenção de votos. O partido afirma que houve descumprimento do prazo estipulado por lei para a divulgação do resultado, e também pede que o tribunal investigue quem realmente custeou o levantamento. O resultado da pesquisa indicou empate entre os presidenciáveis do PSDB, José Serra (32,7%), e do PT, Dilma Rousseff (32,4%)

Segundo o advogado eleitoral do PSDB, Afonso Ribeiro, na representação o partido anexou reportagens da mídia que mostraram que o Instituto registrou a pesquisa no dia 5 de abril, indicando um contratante e depois, no dia 9, alterou os dados. Para os tucanos, o Sensus deveria ter aguardado cinco dias estipulados pela lei, a contar do dia 9 de abril, mas os dados foram divulgados anteontem. Não houve questionamento sobre o teor das perguntas. :: LEIA MAIS »

‘Não é impossível imaginar que a Dilma ganhe no 1º turno’, diz diretor do Vox Populi

SÃO PAULO – O crescimento nas pesquisas eleitorais da pré-candidata do PT à Presidência, ministra Dilma Rousseff, ante a estagnação de seu provável adversário, o governador de São Paulo José Serra (PSDB) tem impressionado os diretores dos quatro principais institutos de pesquisa do País. Márcia Cavallari, do Ibope, João Francisco Meira, do Vox Populi, Mauro Paulino, do Datafolha e Ricardo Guedes, do Sensus, estiveram reunidos em São Paulo na tarde desta segunda-feira, 22, para debater o cenário eleitoral, em evento da Associação Brasileira de Empresas de Pesquisas. O professor Marcus Figueiredo, do Iuperj também esteve no debate, mediado mediado pela jornalista Cristiana Lôbo.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia