WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


novembro 2020
D S T Q Q S S
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘preços’

Guerra de preços torna acesso à internet 3G cada vez mais fácil na Bahia

A Tarde

Com ofertas de internet “pré-paga” a partir de 33 centavos ao dia, TIM, Claro e Vivo disputam clientes no estado.

O acesso à internet 3G a partir de R$ 0,33 por dia – valor que atualmente dá para comprar duas balas e R$ 0,03 de troco – é sinal de que as operadoras de telefonia móvel estão voltando a atenção para um público que era desprezado até pouco tempo. Os créditos dos clientes pré-pagos são a bola da vez no mercado de dados e ofertas prometem se tornar cada vez mais generosas.

Enquanto a Claro aposta na disseminação dos smartphones, com ofertas a partir de R$ 300; a TIM  promete investir R$ 140 milhões nos próximos três anos em rede; enquanto a Vivo planeja encerrar 2011 com 200 municípios atendidos na Bahia, o que representaria um crescimento de 526% em relação às 38 cidades atendidas pela empresa.

O alvo é a preferência de gente como Josiel Santos, 32 anos. O analista de suporte tem computador em casa e no trabalho, mas usa o aparelho celular pré-pago para manter-se atualizado das mensagens de e-mail que recebe, bem como das novidades nas principais redes sociais. “Não dá para baixar um filme, mas consigo trocar mensagens com colegas de faculdade e conversar com meus contatos”, explica. Serve para os serviços básicos, resume.

O básico oferecido pelas operadoras é justamente o acesso a serviços de e-mail e páginas de redes sociais. De acordo com pesquisa do Ibope Nielsen Online, 86% dos usuários de internet do Brasil acessam páginas como Orkut, Twitter, Facebook, entre outras. Para mais da metade desse público, acessar uma vez por dia é pouco.

:: LEIA MAIS »

Quatro grandes marcas lançarão netbooks com sistema operacional Chrome antes de junho

Info Online

Modelo da Acer, rodando o Chrome OS: com incentivos, aparelho poderá custar menos de R$ 600 no Brasil

Os primeiros PCs portáteis rodando o sistema operacional Chrome OS devem chegar na metade deste ano ao mercado.

De acordo com os sites Pocket-limt e Digitimes, as fabricantes Acer, Asustek, Sony e Samsung já estariam preparando modelos de netbooks com telas de 10 a 12 polegadas e equipados com processador Tegra ou Intel, que rodariam o novo sistema do Google.

Os primeiros modelos devem custar em torno de U$S 300, para não competir com os tablets. O lançamento dessas máquinas deve ocorrer durante a feira de eletrônicos em Taiwan, que acontecerá entre os dias 31 de maio e 4 de junho.

Cogita-se também a possibilidade de alguns desses netbooks rodarem outro sistema operacional além do Chrome OS, como forma de evitar vendas baixas por conta de um sistema desconhecido.

:: LEIA MAIS »

Cesta básica só barateia em Goiânia, dentre 17 capitais, diz Dieese

O preço dos alimentos que compõem a cesta básica caiu 0,22% em Goiânia, em abril, a única capital que registrou queda entre as 17 pesquisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).
As maiores altas foram registradas em Natal (12,09%), Belo Horizonte (6,55%) e Recife (6,17%). Já os menores avanços foram registrados em Brasília (0,57%) e Aracaju (1,80%).
No acumulado dos quatro meses do ano o preço dos alimentos subiu em todas as localidades pesquisadas. Na Região Nordeste os aumentos foram mais expressivos: 25,20% em Recife, 20,12% em Salvador, 19,98% em Natal e 19,47% em João Pessoa. O avanço dos preços foi menor em Fortaleza, com 5,79%; Brasília, com 6,99%, e Goiânia, com 8,15%.
A alta de abril ficou por conta de itens como o leite, o tomate e o feijão. Os dois primeiros, subiram em 16 capitais e o terceiro, em 15 delas. Os maiores aumentos do leite foram em Salvador (12,78%), Florianópolis (7,56%) e Porto Alegre (7,18%).
:: LEIA MAIS »

Feijão mais caro na mesa do conquistense

 

O MDC – Movimento das Donas de Casa e Consumidores de Vitória da Conquista, acaba de publicar uma nova pesquisa de preços da cesta básica, realizada em 27 supermercados da cidade, no período de 19 a 22 de Abril. A constatação da pesquisa é que o feijão está mais caro, em comparação com a última pesquisa realizada em Março deste ano. 

Segundo Irma Lemos, Presidente do movimento e coordenadora da pesquisa, o preço do feijão está 60% mais caro em comparação com o mês passado. Portanto, antes de ir às compras, clique aqui e saiba onde comprar os produtos básicos, da alimentação do brasileiro, mais baratos.

Preços do álcool e da gasolina estão em queda em seis estados

Os preços do álcool e da gasolina estão em queda em pelo menos seis estados. Nos estados da Bahia, Goiás, Paraná, São Paulo, Mato Grosso e Tocantins já vale a pena abastecer o veículo com álcool. “A tendência daqui pra frente é que o preço do álcool diminua, porque a safra está em pleno funcionamento a partir de maio”, diz Luiz Custódio Martins, presidente do Sindaçúcar e Siamig.

Em março, o álcool combustível ficou em média 10% mais barato, no país. A gasolina comum, que tem álcool na composição, também já ficou mais barata, em média 1%, no último mês. Para ser um bom negócio, o álcool deve custar menos do que 70% do preço da gasolina. Para calcular se vale mais a pena abastecer com álcool ou com gasolina: divida o preço do álcool pelo da gasolina e se der menos que 0,7, vale a pena o álcool.

(As informações são do Jornal Hoje)



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia