WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


agosto 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: ‘pedofilia’

Padres pedófilos vão se danar no inferno, diz Vaticano

Italiano condenado por pedofilia é preso pela Polícia Federal na capital baiana

CORREIO

Um italiano foi preso na noite de sexta-feira (28) na capital baiana pela Polícia Federal (PF). Ele é condenado por pedofilia e está custodiado na carceragem da sede da PF.

Segundo o G1, a polícia não sabe informar desde quando ele estava foragido. De acordo com a PF, o crime de pedofilia teria sido cometido contra a filha do homem. O processo de extradição do italiano já foi aberto. O italiano, cujo nome não foi divulgado, foi condenado a nove anos de reclusão por abuso sexual contra a filha, que tinha quatro anos na época do crime.

Jesuítas alemães reconhecem ocultação de casos de abuso sexual

Passa de 200 o número de pessoas que se declararam vítimas de abuso sexual ou violência física em instituições mantidas pela Companhia de Jesus na Alemanha. Superior provincial fala em “vergonha e culpa”.
Os jesuítas da Alemanha reconheceram oficialmente nesta quinta-feira (27/05) que superiores da ordem no país ocultaram sistematicamente casos de abuso sexual e de violência física em colégios e outras instituições para jovens.
Para os superiores, a imagem da ordem e das escolas por ela mantidas era mais importante do que o sofrimento das vítimas, afirmou o responsável provincial da Companhia de Jesus na Alemanha, Stefan Dartmann, em Munique. Durante décadas, a violência sexual e física contra crianças e jovens não foi punida, reconheceu.
Já a advogada Ursula Raue, encarregada pela ordem de investigar as denúncias, disse que 205 pessoas se apresentaram a ela como vítimas de violência sexual ou física em instituições mantidas pelos jesuítas. Há ainda outros 50 casos que foram relatados à advogada, a maioria deles registrados em outras instituições católicas. As agressões teriam ocorrido principalmente nas décadas de 1970 e 1980.
:: LEIA MAIS »

Igreja revela pela 1ª vez número de processos por pedofilia na Itália

A Igreja Católica divulgou nesta quarta-feira pela primeira vez o número de processos por pedofilia contra membros do clero na Itália movidos pela Justiça do Vaticano nos últimos dez anos.
“Em termos gerais e verdadeiros, podemos dizer que uma centena de casos foram registrados em processos canônicos nos últimos dez anos”, informou o secretário-geral da Conferência Episcopal Italiana, monsenhor Mariano Crociata.
Embora tenha fornecido o número de processos, Crociata não disse quantos religiosos foram condenados, nem se eles foram expulsos da Igreja ou entregues às autoridades civis.
Há meses a imprensa vem divulgando casos de sacerdotes católicos acusados de cometer abusos sexuais contra menores de idade em institutos de educação e em seminários católicos em diversos países.
:: LEIA MAIS »

Vaticano recusa apelo final contra fechamento de paróquias em Boston

O Vaticano recusou os apelos finais de dez paróquias fechadas pela Arquidiocese de Boston, nos EUA, em meio ao escândalo de abusos sexuais envolvendo membros da Igreja, informou nesta segunda-feira Peter Borre, vice-líder do Council of Parishes, um grupo que apoia paróquias que foram fechadas.
Um especialista em lei canônica do grupo disse a Borre hoje que as apelações foram negadas em 7 de maio pela mais alta autoridade do assunto no Vaticano.
A arquidiocese de Boston anunciou o fechamento e agrupamento de 66 paróquias nos últimos anos, citando queda de frequência, falta de padres e problemas financeiros, mas negou que a decisão estivesse ligada a escândalos de abuso sexual. O número de paróquias passou de 357 para 291.
O anúncio veio à tona um ano após a arquidiocese de Boston ter de bancar mais de 500 indenizações ao custo de US$ 85 milhões (R$ 154 milhões).
:: LEIA MAIS »

Pedofilia deve ser vista como transtorno mental

André Sartorelli, do R7

Getty Images

Foto por Getty Images

Estudos mostram que muitos pedófilos sofreram abusos ou maus tratos na infância, mas não se trata de uma regra geral

Pedofilia não é crime. E nem toda pessoa que abusa sexualmente de uma criança pode ser considerada pedófila. Essas afirmações parecem absurdas, ainda mais nesta terça-feira (18), em que acontece o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração contra Crianças e Adolescentes, mas fazem sentido quando se discute o assunto do ponto de vista médico. 

O conceito de pedofilia se refere a um transtorno mental em que a pessoa sente prazer sexual quando tem estímulos que envolvam crianças ou se necessariamente precisa delas para se excitar. Trata-se de uma doença, de acordo com a CID-10 (Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados á Saúde), uma lista com as doenças conhecidas e descritas pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Segundo o DSM-IV – o conjunto dos transtornos mentais listados pela Associação Americana de Psiquiatria –, para ser descrito como pedófilo o doente deve ter pelo menos 16 anos de idade e ser ao menos cinco anos mais velho que a criança.

Fora isso, há o fato de que a maioria dos pedófilos sofreu abusos na infância, mas o professor de psiquiatria Raphael Boechat Barros, da Universidade Federal de Brasília, diz que não se trata de uma regra geral. Da mesma maneira, nem sempre as vítimas se tornarão criminosas quando se forem adultas.  :: LEIA MAIS »

Vitória da Conquista: polícia prende acusado de aliciamento de menores e tráfico

Juscelino Souza I Sucursal Vitória da Conquista

Uma equipe de Policiais Rodoviários Federais da 8ª Delegacia de Vitória da Conquista prenderam em flagrante na madrugada deste sábado, 15, Cleuton da Conceição Silva, por aliciamento de crianças e adolescentes e tráfico de drogas. Com ele, a PRF apreendeu 33 pedras de crack.

A prisão ocorreu em Poções, a 444 km de Salvador, como fruto da “Operação Sodoma”, com objetivo de combater a exploração sexual infantil no trecho sob jurisdição. O acusado estava em companhia de uma jovem de 15 anos. Ambos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Poções.

Na mesma operação, por volta de 2 horas, os policiais apreenderam um jovem de 14 anos, em visível estado de perturbação mental, conforme boletim de registro. Ele foi encaminhado ao Conselho Tutelar de Poções, onde o conselheiro de plantão confirmou ser o adolescente usuário de crack.

Gay não deve ser padre, afirma bispo

Igreja Católica precisa reconhecer a terrível verdade dos abusos sexuais, diz papa

O papa Bento 16 afirmou nesta terça-feira que a recente crise de abusos sexuais contra crianças por sacerdotes deve fazer com que a Igreja reconheça a terrível verdade –a maior ameaça à Igreja vem de seus próprios pecados.
Em alguns dos comentários mais abrangentes ao público desde que o escândalo de pedofilia estourou, há dois meses, Bento 16 disse aos jornalistas que a Igreja tem uma “necessidade muito profunda” de reconhecer que deve fazer penitência por seus pecados e aceitar a purificação.
“Hoje nós vemos de um modo verdadeiramente aterrador que a maior perseguição à Igreja não vem de inimigos externos, mas nasce do pecado dentro da Igreja”, disse ele a jornalistas no avião que o trouxe a Portugal, em resposta a uma pergunta sobre o escândalo de abuso sexual.
Nas últimas semanas, vários sacerdotes do Vaticano acusaram a imprensa de fazer uma campanha de difamação contra a Igreja. Um alto funcionário chegou a minimizar os relatos de encobrimento do abuso sexual por sacerdotes como “fofocas mesquinhas”.
:: LEIA MAIS »

SALVADOR: PORTEIRO NO HORTO É PRESO POR PEDOFILIA

O porteiro de um condomínio de luxo no Horto Florestal Celso Moraes dos Santos, 48, foi preso em flagrante na tarde desta segunda-feira (10), acusado de pedofilia. Ele foi surpreendido por policiais da Delegacia Repressão a Crimes contra criança e Adolescente (Derca), quando retornava para o posto, em busca dos celulares que teria esquecido no local. Nos aparelhos haviam imagens de duas crianças em poses eróticas. A polícia chegou até Celso através da denúncia de funcionários do condomínio. Em depoimento, o acusado contou que há cerca de dois anos vinha fazendo imagens com as vítimas, mas que nunca teria mantido relações sexuais com elas. Ele ainda informou que fazia os vídeos porque sentia prazer em ver as imagens das adolescentes. A polícia já identificou duas vítimas, dentre elas, uma garota de 12 anos, que seria filha da ex-namorada do acusado. :: LEIA MAIS »

SUSPEITO DE PEDOFILIA É LINCHADO POR VIZINHOS

O cantor de pagode Marcelo Santos, 35, foi espancado na noite de sábado (8) por cerca de 20 vizinhos, depois que foram descobertos vídeos em seu celular, em que ele praticava atos de pedofilia na filha de seu amigo. O garçom Antônio Silva Neto, 36 anos, pai da garota de 10 anos, cedia o sofá de sua casa para que Marcelo morasse. Sua esposa, a manicure Ana Paula, 30, flagrou imagens de sua filha no celular de Marcelo. “Nos vídeos, ele abaixava a calça da minha filha e mexia nas nádegas e genitais dela”, contou. Em pouco tempo, a notícia se espalhou pela rua Vila Formosa, onde moram, e os vizinhos entraram na casa da família para agredir Marcelo. Já de madrugada, a polícia e o Samu foram chamados.  Antônio e Ana prestaram depoimentos na Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Criança e o Adolescente (Derca), enquanto Marcelo foi encaminhado para o Hospital Geral do Estado, bastante ferido, mas sem correr risco de morte. Marcelo será ouvido assim que receber alta. A garota será submetida a exames no Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues, para verificar se houve abuso sexual, e será atendida por psicólogos da organização Pro-viver. Informações do Correio

Monsenhor acusado de exploração sexual tem prisão revogada em Alagoas

Justiça de Alagoas revoga prisão de padre acusado de pedofilia

Carlos Madeiro
Especial para o UOL Notícias
Em Maceió

Depois de 18 dias preso, a Justiça de Alagoas revogou nesta quinta-feira (6) a prisão preventiva e concedeu liberdade ao monsenhor Luiz Marques Barbosa, 83, acusado de abusar sexualmente de coroinhas em Arapiraca (a 122 km de Maceió). A decisão foi do juiz Jonh Silas da Silva, da 8ª Vara Criminal e Execução Penal do município.

A decisão impõe que o monsenhor não deixe a cidade sem autorização e que compareça à Justiça sempre que for chamado. Barbosa foi flagrado em um vídeo fazendo sexo com um ex-coroinha de 18 anos.

O monsenhor havia sido preso no último dia 18, após prestar depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia, do Senado, em Arapiraca. O argumento utilizado pelo presidente da CPI, senador Magno Malta (PR-ES), para o pedido foi que ele havia tirado um passaporte no início do ano e poderia fugir do país durante as investigações.

Dois dias depois de decretada a prisão, a Justiça concedeu o benefício da prisão domiciliar, devido a problemas de saúde do religioso.

No último dia 27, Barbosa, o monsenhor Raimundo Gomes e o padre Edilson Duarte foram indiciados pela Polícia Civil pelo crime de abuso sexual de menores. Além desse crime, o padre Edilson também foi indiciado por “importunismo ofensivo ao pudor” e ameaça, enquanto Barbosa foi enquadrado também por oferecer bebidas alcoólicas a menores de 18 anos. Eles podem pegar penas entre quatro e 30 anos de prisão.

:: LEIA MAIS »

Pastor da Universal será indiciado por estupro de vulnerável até amanhã

Midiã Noelle Santana | Redação CORREIO | Foto: Divulgação/ Polícia Civil

O pastor da Igreja Universal do Reino de Deus preso em flagrante no domingo (4) tendo relações sexuais com uma adolescente de 13 anos dentro de um carro, será indiciado pelo titular da 20ª Delegacia (Candeias), Osman Ordello Guimarães, até amanhã (7) pelo crime de estupro de vulnerável e rapto.

Alex Santos Gouvéia era pastor da IURD de Candeias, Região Metropolitana de Salvador, mas foi transferido há poucos meses para a central, no Caminho das Árvores, na capital. O acusado foi encontrado sem camisa dentro do veículo com a menina que estava seminua, deitada no banco da frente, por um agente da Polícia Rodoviária Estadual (PRE).


Menina de 13 anos acreditava ser namorada do pastor

‘A garota estava praticamente nua com um short curto e um top. O vestido estava no banco de trás. A vítima chegou a passar por exame no DPT, mas ela confessou que estava tendo relações sexuais com Alex há três meses’, disse o delegado. A adolescente se considerava namorada do pastor que é casado.

Ainda de acordo com o titular da 20ª DP, a menina teria mentido para a família e não disse que iria à Salvador. ‘A menina falou para a avô que ficaria na casa da mãe que mora em Madre de Deus. Já Alex disse no depoimento que levaria a jovem para uma vigília – ele também foi pastor da Igreja que a menina freqüenta. A mãe e a avô da garota não tinham conhecimento do fato’, informou Guimarães. :: LEIA MAIS »

Papa aceita renúncia de 4º bispo irlandês envolvido com pedofilia

Efe

ROMA – O papa Bento XVI aceitou nesta quinta-feira, 6, a renúncia de Joseph Duffy, bispo de Clogher, acusado de ter encoberto casos de abusos sexuais de menores por parte de sacerdotes na Irlanda, informou o Vaticano.

Duffy, que completou 76 anos em 3 de fevereiro, reconheceu recentemente que acobertou abusos de sacerdotes contra menores em sua diocese. Como novo bispo de Clogher, o papa nomeou a Liam McDaid, de 64 anos, até agora chanceler da cúria dessa diocese.

O bispo Joseph Duffy é um dos quatro prelados que renunciaram nos últimos meses após a divulgação de dois relatórios oficiais irlandeses – o Relatório Ryan e o Relatório Murphy – que revelaram que durante 70 anos centenas de crianças da Irlanda sofreram abusos sexuais por parte de sacerdotes nesse país, sobretudo na arquidiocese de Dublin desde 1975 a 2004.

Os outros três são James Moriarty, bispo de Kildare e Leighlin, Donald Murray, bispo de Limerick, e John Magee, prelado de Cloyne, que foi secretário privado dos papas Paulo VI, João Paulo I e João Paulo II. :: LEIA MAIS »

Padres pedófilos de Arapiraca são indiciados por exploração sexual

Os três padres suspeitos de terem cometido exploração sexual contra adolescentes em Arapiraca (AL) foram indiciados pela Polícia Civil de Maceió nesta terça-feira (27). Um dos religiosos cumpre prisão preventiva em regime domiciliar desde o dia 20 de abril, em Arapiraca, após prestar depoimento na CPI da Pedofilia. O relatório da investigação ainda indiciou um dos padres pelos crimes de ameaça e importunação ofensiva ao pudor, de acordo com a Lei de Contravenções Penais.

Segundo a delegada Bárbara Arrais, uma das responsáveis pelo inquérito policial, o crime mais grave cometido pelos padres foi o de exploração sexual. “Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente, a pena para o crime pode variar de 4 a 10 anos. Essa, sem dúvida alguma, é a mais grave de todas as acusações contra eles que coletamos no inquérito.” :: LEIA MAIS »

Pastor é preso com adolescente em Candeias

O pastor foi encontrado dentro de um carro com uma adolescente de 13 anos

Um pastor da Igreja Universal do Reino de Deus foi preso em flagrante nesta sexta-feira (30) por corrupção de menor, no município de Candeias. Durante uma ronda da Polícia Rodoviária Estadual, Alex Santos Gouveia, 31 anos, foi encontrado dentro de um carro estacionado na estrada com uma adolescente de 13 anos.
O pastor, que mora no bairro de Pernambués, em Salvador, foi preso e encaminhado para Delegacia de Candeias. A adolescente é moradora de Madre de Deus. Do Ibahia



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia