WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


novembro 2020
D S T Q Q S S
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘parlamentares’

Jaques Wagner, Otto Alencar e parlamentares eleitos são diplomados

Tribuna da Bahia

Em clima de festa diante do ato que formalizou sua conquista para mais um período à frente do governo da Bahia, mas de olho também na formação da equipe da presidente Dilma Rousseff (PT) e do secretariado que lhe ajudará na gestão no Estado, o governador Jaques Wagner (PT) disse ontem, durante entrevista coletiva no evento de diplomação dos políticos eleitos, que “competência e articulação” são os critérios que devem definir as escolhas dos nomes no plano local e nacional.

Ao falar sobre a indicação de aliados para o Ministério da presidente eleita, o gestor petista demonstrou que tem conduzido o assunto com tranquilidade. O governador falou também de seu governo e destacou as áreas de infraestrutura, logística e social, como prioridades de seu próximo mandato.

Na Bahia, além do governador, foram diplomados o vice-governador, Otto Alencar (PP), os senadores Lídice da Mata (PSB) e Walter Pinheiro (PT), 39 deputados federais, 63 deputados estaduais e os respectivos suplentes, sendo quatro para as vagas do Senado (dois para cada titular). Ao todo foram diplomados 152 eleitos, no salão Iemanjá, do Centro de Convenções da Bahia. Quatorze políticos não participaram do ato.

:: LEIA MAIS »

Exclusivo: todos os parlamentares processados pelo STF

Veja aqui a lista completa de todos os 21 senadores e 147 deputados que respondem a ações no Supremo. Desses 168 parlamentares, o campeão de procedimentos na Justiça é o ex-governador de Roraima Neudo Campos

Diogenes Santos/Câmara
Com 21 ações, Neudo Campos é o campeão de processos. No total, são 168 parlamentares, que respondem a 396 investigações

Edson Sardinha, Thomaz Pires e Lúcio Lambranho

Eles são de 15 partidos diferentes, das 27 unidades da Federação. Nove ocupam cargos de liderança no Congresso. Um deles preside a Câmara, outro é vice-presidente do Senado. Em comum, têm o mandato que exercem no Parlamento e os processos a que respondem no Supremo Tribunal Federal (STF).  É a bancada mais numerosa do Legislativo federal, a dos parlamentares processados, composta por 21 senadores e 147 deputados, cujos nomes o Congresso em Foco revela hoje (14), em sua totalidade. Juntos, eles são alvos de 396 investigações no Supremo.

Entre esses 168 parlamentares, cinco respondem a pelo menos uma dezena de processos. O campeão nesta lista é o ex-governador de Roraima Neudo Campos (PP-RR), candidato ao governo do estado em outubro, com 21 denúncias. Depois dele, vêm os deputados Jader Barbalho (PMDB-PA), candidato a uma vaga no Senado, Abelardo Camarinha (PSB-SP), Fernando Chiarelli (PDT-SP) e Lira Maia (DEM-PA), com dez investigações em curso. No Senado, os senadores Jayme Campos (DEM-MT), com cinco, Valdir Raupp (PMDB-RO) e João Ribeiro (PR-TO), com quatro cada, são os que acumulam maior número de pendências na Corte Suprema.

Veja a lista de todos os parlamentares processados

Veja o que respondem os parlamentares da região Norte

O que dizem os parlamentares do Nordeste

As respostas dos parlamentares do Centro-Oeste

A defesa dos parlamentares da região Sudeste

As respostas dos parlamentares do Sul :: LEIA MAIS »

Sete parlamentares baianos integram a lista dos influentes

Ludmilla Duarte / Sucursal do A Tarde em Brasília

>>Confira a série “Cabeças do Congresso Nacional” desde 1999

São sete os parlamentares baianos que integram, este ano, a lista de “100 Cabeças” do Congresso Nacional elaborada pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) – uma organização não-governamental composta por representantes de 900 entidades sindicais do País e que se dedica a acompanhar a atuação dos três poderes da República.
O Diap, que observa o Parlamento há 17 anos, leva em conta a capacidade de conduzir debates, negociações, votações, articulações e formulações dos 513 deputados e 81 senadores, e costuma dizer que os 100 selecionados anualmente compõem a “elite do Congresso” por seu protagonismo no processo legislativo.
Desde 1994, 26 baianos tiveram o nome incluído na lista: o falecido senador Antonio Carlos Magalhães apareceu dez vezes, o governador Jaques Wagner, quando deputado federal, foi um dos Cabeças por oito vezes, Josaphat Marinho visitou a lista por cinco vezes – assim como Prisco Viana –, e Luís Eduardo Magalhães foi um dos 100 por quatro vezes, entre outros.
:: LEIA MAIS »

Parlamentares evangélicos atacam união homossexual



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia