WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


agosto 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: ‘internacional’

Brasil vota a favor do envio de relator especial da ONU ao Irã

Jamil Chade, correspondente em Genebra – Estadão.com.br

GENEBRA – O Brasil mudou sua posição em relação ao Irã e votou na manhã desta quinta-feira, 24, a favor de uma resolução no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, em Genebra, proposta pelos Estados Unidos para investigar as violações do governo persa.  O órgão aprovou o envio de um relator especial ao país.

Dida Sampaio/AE

Dida Sampaio/AE

Relações com Irã no governo de Lula eram boas

A criação de uma relatoria especial para analisar abusos de direitos humanos no Irã não é uma condenação em si, mas chega perto disso. Até hoje oito países passaram por medida semelhante, entre eles Sudão, Coreia do Norte e Camboja. A avaliação brasileira é que o CDH é o local adequado para essa discussão e a criação de um relator especial, uma medida eficaz.

Nos últimos 10 anos, o Brasil se absteve em votações que condenavam o Irã ou era contrário a resoluções, como no caso das últimas sanções aprovadas no Conselho de Segurança da ONU, em junho.

Nas abstenções anteriores, na Assembleia-geral das Nações Unidas, a alegação brasileira era a de que esse não era o fórum adequado para a discussão. Em 2010, o Brasil aplicou as sanções aprovadas para tentar interromper o avanço do programa nuclear iraniano, mas foi contrário na votação com a justificativa de que as medidas “não eram um instrumento eficaz”.

Protestos por reformas políticas no Bahrein já deixaram 4 mortos

Efe

CAIRO – Pelo menos quatro pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas nesta quinta-feira, 17, quando a polícia e o Exército do Bahrein investiram contra milhares de manifestantes reunidos no centro da capital Manama para pedir reformas políticas e melhorias econômicas, informou uma ONG.

Mazen Mahdi/Efe

Mazen Mahdi/Efe

Protestos no Bahrein já mataram quatro

O presidente da Associação da Juventude do Bahrein para os Direitos Humanos, Mohammed al-Maskati, assegurou que as forças de segurança empregaram munição real além de balas de borracha e gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes, que se concentram na praça Lulu há duas noites.

Berlusconi é indiciado por prostituição de menores e abuso de poder

Estadão.com.br
Max Rossi/Reuters
Max Rossi/Reuters
Denúncias sobre Berlusconi geram onda de protesto na Itália

MILÃO – O primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi foi indiciado nesta terça-feira, 15, por pagar por sexo com prostituir duas menores de idade e abuso de poder ao tentar encobrir o caso.  A juíza Cristina Di Censo aceitou o pedido de indiciamento proposto pela procuradoria de Milão. O julgamento está marcado para começar no dia 6 de abril.

O Ministério Público acusa o premiê de prostituir a marroquina Karima El Mahroug, conhecida como “Ruby, a arrasa corações”, quando ela tinha 17 anos, e de usar sua influência para libertá-la da prisão quando ela foi detida por roubo. De acordo com as investigações, Berlusconi pagou € 7 mil (cerca de R$ 15,7 mil).

“A juíza para as investigações preliminares Cristina di Censo publicou sua decisão com base acordo nos artigos 453 e os seguintes do código do procedimento penal de julgar imediatamente o premiê Silvio Berlusconi pelos delitos de concussão e prostituição de menores”, diz comunicado.

:: LEIA MAIS »

EUA elogiam protestos no Irã; polícia de Teerã detém dezenas de manifestantes

A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, manifestou na noite desta segunda-feira apoio “claro e direto” aos milhares de manifestantes que saíram às ruas do Irã em um protesto que havia sido proibido pelas autoridades do país.

 Dezenas de pessoas foram presas nesta segunda em Teerã, em marcha convocada originalmente por líderes oposicionistas para mostrar apoio às mudanças ocorridas na Tunísia e no Egito. Mas o evento iraniano acabou se transformando numa demonstração de descontentamento contra o regime do presidente Mahmoud Ahmadinejad.

“O que vemos no Irã hoje é uma prova de coragem do povo iraniano e da hipocrisia do regime iraniano – um regime que nas últimas semanas elogiou o ocorrido no Egito”, declarou Hillary a jornalistas em Washington.

:: LEIA MAIS »

Comando militar do Egito fará ‘importante comunicado’

CAIRO – O Conselho do Comando Supremo das Forças Armadas Egípcias está reunido nesta sexta-feira, 11, e fará um “importante comunicado ao povo”, segundo a agência de notícias estatal Mena. “O Conselho Supremo para as Forças Armadas, presidido pelo ministro da Defesa, Hussein Tantawi, realizou uma reunião importante nesta manhã”, disse a agência.

Mais cedo, um graduado representante dos militares ligado ao Conselho Supremo disse à agência AFP que os generais continuavam reunidos em “sessão permanente” e deveriam fazer um comunicado ainda nesta sexta-feira.
 

Em meio aos protestos de rua contra o regime do presidente Hosni Mubarak, os principais generais do Egito anunciaram na quinta-feira, 10, que “em apoio às demandas legítimas do povo” eles “tomariam medidas para proteger a nação”.

Alguns interpretaram este “comunicado número 1” como uma ameaça de lançar um golpe de Estado, mas o próprio Mubarak apareceu na televisão estatal no final do dia para anunciar que ficará no cargo até as eleições presidenciais de setembro. :: LEIA MAIS »

Líder de partido sinaliza que Mubarak pode deixar o poder; ministério nega

CAIRO – O presidente do partido Democrático Nacional (PND) do Egito, Hossan Badrawi, disse nesta quinta-feira, 10, que o presidente do Hosni Mubarak, fará um pronunciamento ainda hoje sobre a crise no Egito. Em entrevista à BBC, Badrawi afirmou também que ‘espera’ que o ditador transfira o cargo para o vice-presidente Omar Suleiman.  Por volta das 16h, o ministro da Informação foi à TV estatal para negar que Mubarak esteja de saída.

A cúpula das Forças Armadas está reunida no Cairo e também prometeu fazer um comunicado que ‘responderá à demanda dos manifestantes’. Mais cedo, o premiê Ahmed Shafiq disse à BBC Árabe que o cenário da saída de Mubarak estava sendo discutido. A rede de TV americana NBC diz em seu site, citando ‘fontes do governo egípcio’ que Mubarak irá renunciar hoje e que Suleiman assumirá.

Badrawi disse em entrevista à BBC posteriormente que seria “surpreendente se Mubarak continuasse como presidente” até a sexta-feira. O chefe da Agência Central de Inteligência (CIA) dos EUA, Leon Panetta, disse que a probabilidade de que Mubarak deixe o poder é grande. :: LEIA MAIS »

Internet segue bloqueada no Egito em dia de megamanifestação

estadão.com.br

  Manifestantes protestam contra o governo em Suez. Foto: AP

CAIRO –  Na véspera uma megamanifestação prometida contra o governo do presidente Hosni Mubarak, um dos maiores provedores do Egito, o Seabone, denunciou que a internet foi bloqueada no país após a 0:30 desta sexta-feira, horário local. Nesta quinta-feira, os egípcio foram às ruas pelo terceiro dia seguido em protestos contra o governo, inspirados pela revolução de Jasmin, levante popular que neste mês derubou o ditador Zine Ben Ali, na Tunísia.

  :: LEIA MAIS »

Irã inaugura departamento de polícia especial para controlar a internet

Efe

TEERÃ – A polícia iraniana inaugurou um departamento especial para investigar crimes na internet, em uma tentativa de restringir o acesso à rede no país.

O anúncio foi feito pelo chefe da Polícia Nacional, general Esmail Ahmadi Moqaddam, quem revelou que a primeira dessas unidades já está operando na capital e que se espera que até 20 de março funcione em todo o país.

Ele ressaltou que o novo departamento enfrentará os grupos dissidentes e antirrevolucionários que, segundo as autoridades iranianas, foram os responsáveis em 2009 pelos protestos contra a reeleição do presidente Mahmoud Ahmadinejad, que a oposição qualificou como fraudulenta.

Moqaddam, citado nesta segunda-feira pela imprensa estatal, ressaltou em que esses grupos se aproveitaram das redes sociais para manter relações com organizações estrangeiras, conspirar e realizar ações de espionagem.

“Através dessas redes sociais, os antirrevolucionários e os dissidentes se encontraram, fizeram contatos com estrangeiros e esporearam os distúrbios”, reprimidos com extrema violência pelas forças de segurança, acrescentou.

:: LEIA MAIS »

Desastres naturais causaram prejuízo de US$ 109 bilhões em 2010, diz ONU

Agência Estado


Destroços em Concepción, no Chile, uma das áreas mais afetadas pelo terremoto.

GENEBRA – Os desastres naturais causaram um prejuízo de US$ 109 bilhões em 2010, um valor três vezes maior que o registrado em 2009, informou nesta segunda-feira, 24, a Organização das Nações Unidas (ONU). China e Chile foram os países que mais foram prejudicados.

O tremor de magnitude 8.8 em fevereiro no Chile custou ao país US$ 30 bilhões. Na China, as enxurradas e deslizamentos de terra causaram US$ 18 bilhões em perdas, segundo o Centro de Pesquisas para Epidemiologia de Desastres.

Embora o terremoto de janeiro no Haiti tenha sido o desastre mais mortífero do ano passado, matando 316 mil pessoas segundo o governo haitiano, o custo econômico foi de apenas US$ 8 bilhões. As enchentes de julho e agosto no Paquistão causaram um prejuízo de US$ 9.5 bilhões.

Margareta Wahlstrom, secretária-geral assistente para a redução do risco de desastres, disse que países em desenvolvimento agora enfrentam prejuízos maiores no caso de tragédias. “A riqueza acumulada que é afetada pelos desastres está crescendo”, disse.

Cidades estão particularmente expostas a grandes perdas econômicas quando a infraestrutura está vulnerável a terremotos ou tempestades. “Com mais terremotos e fenômenos climáticos extremos em áreas urbanas, a situação da reconstrução nessas áreas se torna mais crítica”, disse a secretária assistente. Em 2009, o total dos prejuízos foi baixo – um total de US$ 34,9 bilhões.

Dos 373 desastres registrados no ano passado, 22 ocorreram na China, 16 na Índia e 14 nas Filipinas, segundo o órgão da ONU. As tempestades, terremotos, ondas de calor e de frio afetaram 207 milhões de pessoas e mataram 296 mil, segundo os dados, que não consideram o aumento do número de vítimas anunciado há algumas semanas pelo governo haitiano por conta do terremoto de janeiro de 2010.

Judiciário do Irã nega suspensão de pena de morte a Sakineh Ashtiani

Efe

TEERÃ – O procurador-geral do Estado e porta-voz do Poder Judiciário iraniano, Gholam Hussein Mohseni Ejei, negou nesta segunda-feira, 17, que tenha sido suspensa a pena de morte imposta a Sakineh Mohammadi Ashtiani.

Em declarações à agência de notícias estatal “Irna”, Ejei insistiu que o processo ainda está em curso e não existem novidades.

Um relato divulgado nesta segunda-feira apontava que uma deputada iraniana havia dito que Sakineh não iria mais ser enforcada. Tal informação teria sido também repassada à presidente do Brasil, Dilma Roussef, por meio de carta.

Sakineh havia sido condenada anteriormente ao apedrejamento por adultério, mas a sentença foi suspensa após grande pressão internacional.

Suicida explode bomba e mata 42 no Paquistão

Reuters e Efe

Um suicida com uma bomba atacou um portão onde as pessoas recebiam ajuda no noroeste do Paquistão, neste sábado, matando pelo menos 42, disse um oficial do hospital local.  Outras 72 pessoas ficaram feridas.

O ataque na região de Bajaur na fronteira com o Afeganistão ocorreu um dia após um confronto entre talebans e forças de segurança na região vizinha de Mohmand, que deixou 11 soldados e 24 militantes mortos.

“Eu contei 40 corpos mas o número de mortos pode crescer assim como os feridos em condição crítica”, disse Dosti Rehman, um oficial do principal hospital do governo na região de Bajaur, fronteira com o Afeganistão.

O atentado aconteceu nas proximidades de um centro de distribuição de alimentos das Nações Unidas na capital do distrito, Khar, segundo as fontes, citadas pelo canal de televisão Geo.

Os fatos ocorreram quando centenas de pessoas deslocadas pelo conflito haviam se reunido para receber doações do Programa Mundial de Alimentos (PMA), embora uma porta-voz das Nações Unidas,

Israt  Rizvi, tenha relatado à Agência Efe que nenhum trabalhador local ou estrangeiro do organismo multilateral foi afetado pela detonação.

As forças de segurança isolaram a zona, onde foi estabelecido toque de recolher, e os feridos foram transferidos ao principal hospital de Khar.

O primeiro-ministro paquistanês, Yousuf Raza Gillani, qualificou o ataque como “uma atividade brutal de insurgentes que não têm respeito pelo ser humano e pela religião”.

Gillani destacou que os fundamentalistas estão fugindo porque “o povo valente do Paquistão está unido contra eles”, segundo um comunicado oficial.

WikiLeaks: Documento confirma que Israel destruiu reator da Síria em 2007

AE – Agência Estado

JERUSALÉM – Israel destruiu um reator nuclear da Síria em um ataque aéreo, semanas antes de ele entrar em funcionamento em 2007, afirma um documento diplomático dos EUA vazado pelo site WikiLeaks e publicado nesta sexta-feira, 24, pelo jornal israelense Yediot Aharonot.

“Em 6 de setembro de 2007, Israel destruiu o reator nuclear construído secretamente pela Síria aparentemente com a ajuda da Coreia do Norte”, afirmou a então secretária de Estado americana Condoleezza Rice, em documento publicado pelo Yediot Aharonot. “Nossos especialistas de inteligência estão convencidos de que o ataque dos israelenses tinha como alvo na verdade um reator atômico do mesmo tipo do construído pela Coreia do Norte em Yongbyon”, escreveu ela, em mensagem datada de abril de 2008.

“Nós temos boas razões para acreditar que o reator não foi construído para fins pacíficos”, disse ela, acrescentando que o ataque ocorreu apenas semanas antes de o reator começar a operar.

:: LEIA MAIS »

Coreia do Sul usa artilharia perto da fronteira com o Norte

Associated Press, Efe e Reuters

A Coreia do Sul realizou nesta segunda-feira suas simulações militares perto da tensa fronteira no Mar Amarelo (Mar Ocidental), bem em frente à ilha de Yeonpyeong, que foi atacada no mês passado pela Coreia do Norte, segundo a agência sul-coreana Yonhap.

Yonhap/Efe

Yonhap/Efe

Sul-coreanos observam pela TV as informações oficiais sobre os exercícios militares na fronteira

O regime norte-coreano ameaçou retaliar os sul-coreanos se os exercícios fossem realizados. No entanto, não há sinais imediatos de retaliação. A simulação teve duração de uma hora e meia.

No dia 23 de novembro, Seul havia feito outras simulações, que foram respondidas com um ataque de Pyongyang.

As manobras militares sul-coreanas, de um dia de duração, foram criticadas por China e Rússia por considerar que aumentam o risco de um confronto na península coreana, enquanto os Estados Unidos apoiaram seu aliado Seul.

Segundo disse à Yonhap um porta-voz da Junta de Chefes do Estado-Maior sul-coreano, não identificado, os exercícios começaram por volta das 14h30 hora local [3h30 de Brasília] e “não durariam muito”.

As manobras se atrasaram durante várias horas por causa do nevoeiro, segundo assinalaram anteriormente fontes da Defesa.

De acordo com a agência local, participaram dos exercícios um destroier da classe Aegis, de 7.600 toneladas, e outro navio de guerra sul-coreano de 4.500 toneladas, além de caças de combate F-15K.

:: LEIA MAIS »

Assange é libertado em Londres

estadão.com.br


Assange discursa após deixar a prisão ao lado de sua equipe de advogados. 

LONDRES – O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, foi libertado nesta quinta-feira, 16, pela Justiça britânica depois de ser negado um recurso da promotoria sueca contra sua liberdade condicional.

O australiano de 39 anos foi preso no último dia 7 após a justiça da Suécia emitir um pedido de prisão internacional por meio da Interpol. Assange é acusado de manter relações sexuais sem preservativos com duas mulheres suecas, à revelia delas.

“É fantástico respirar o ar fresco de Londres mais uma vez”, disse o australiano após deixar a custódia em Londres. “Seguirei trabalhando e vou seguir alegando inocência”, concluiu Assange. Após o breve pronunciamento, ele virou as costas e deixou o local. Uma nova audiência para Assange está marcada para o dia 11 de janeiro.

:: LEIA MAIS »

Polícia da Itália apreende 1 tonelada de cocaína proveniente do Brasil

estadão.com.br

ROMA – As autoridades italianas apreenderam nesta segunda-feira, 15, uma tonelada de cocaína proveniente do Brasil no porto de Gioia Tauro, na região da Calábria, no sul da Itália, de acordo com informações da agência de notícias AFP. A droga, informou a polícia, vale cerca de US$ 370 milhões e estava dentro de um contêiner do navio.

“É a maior apreensão de cocaína realizado nos últimos 15 anos na Itália”, afirmou a polícia em comunicado. Os agentes estimam que a droga seria destinada ao mercado italiano e ao centro e ao norte da Europa. “As suspeitas foram levantadas devido aos documentos falsos apresentados pelos brasileiros que viajavam no barco”, disse o comandante Salvatore Cagnazzo, encarregado da investigação.

A cocaína foi descoberta pela polícia graça aos scanners usados na operação. O Gioia Tauro é o maior porto comercial do Mediterrâneo e está localizado na região sul do país, onde opera a temida máfia calabresa da N’drangheta, considerada uma das mais poderosas e perigosas organizações criminosas da Itália, com vínculos ao narcotráfico.

O consumo de cocaína aumentou na União Europeia nos últimos anos. A Itália, junto da Espanha e do Reino Unido, figura entre os países onde é registrado o maior índice de consumo da droga, segundo um relatório apresentado na semana passada pela Agência Europeia de Drogas, que cita números de 2008.

Corte dos EUA mantém lei que proíbe homossexuais nas Forças Armadas

Associated Press e Reuters

WASHINGTON – A Suprema Corte dos EUA negou nesta sexta-feira, 12, o bloqueio à lei chamada de “Don’t Ask, Don’t Tell” (“Não pergunte, não conte”, em tradução livre), que proíbe a entrada de homossexuais nas Forças Armadas americanas.

O pedido havia sido feito por uma organização de homossexuais republicanos, chamada Log Cabin Republicans, que queria a revisão da lei. A Casa Branca havia pedido que a Corte Suprema não se envolvesse no caso.

Na semana passada, uma juíza decidiu que a lei violava os direitos civis dos homossexuais e emitiu uma ordem impedindo o Pentágono de aplicá-la. O tribunal de apelações informou que a medida pode ficar vigente enquanto a apelação é analisada. :: LEIA MAIS »

Ex-membro da Al-Qaeda revelou bombas que geraram alertas na sexta-feira

Explosivos estavam dentro de impressoras endereçadas aos EUA

 Um ex-membro da Al-Qaeda ajudou as autoridades a descobrirem dois pacotes explosivos endereçados a sinagogas dos Estados Unidos, segundo informações obtidas pela BBC nesta segunda-feira.

 Os dois pacotes, interceptados na sexta-feira na Grã-Bretanha e em Dubai (Emirados Árabes Unidos), partiram do Iêmen e desencadearam alertas nos Estados Unidos, na Grã-Bretanha e no Oriente Médio.

 Um funcionário de alto escalão do governo britânico informou à BBC que o saudita Jabr Al-Faifi, que se entregou para autoridades sauditas há duas semanas, foi quem relatou a existência das bombas a autoridades sauditas.

  :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia