WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


novembro 2020
D S T Q Q S S
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘chacina’

Chacina de Pero Vaz: Polícia Civil conclui inquérito e indicia 12 PMs

Sidnei Matos l A TARDE

Fernando Vivas/Agência A TARDE

Delegado Miguel Lapate Cicerelli diz que já encontrou os culpados pelas sete mortes

Delegado Miguel Lapate Cicerelli diz que já encontrou os culpados pelas sete mortes

Oito policiais militares foram indiciados por homicídio, e outros quatro, por ocultação de cadáver no inquérito da Polícia Civil que apura a morte de sete pessoas em operação policial na noite de 4 de março deste ano, dentro de uma casa na Rua do Bambolê, no bairro de Pero Vaz. Entre os acusados de assassinato estão o sargento Valter Gomes da Fonseca, da 37ª CIPM (Liberdade), que estava à frente da operação.

O inquérito foi enviado ao Ministério Público (MP-BA) e elenca uma série de indícios que apontam para a culpa dos militares, entre eles, a perícia realizada na casa. O exame  não identificou marcas de tiros de fora para dentro da residência, nem no sentido contrário, enfraquecendo a tese de troca de tiros, alegada pelos PMs. :: LEIA MAIS »

Chacina na Ilha: corpos das cinco vítimas serão sepultados hoje

CORREIO

Serão enterradas nesta segunda-feira (7), no Cemitério de Quinta dos Lázaros (Baixa de Quintas), os corpos das cinco vítimas da chacina ocorrida na madrugada de sábado, em Barra do Gil, distrito de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica. Todos os mortos eram da mesma família.

Os corpos de Edson Santos Conceição, 46 , seu irmão, Adilson dos Santos Conceição, 33, e dos três filhos de Edson, Erivaldo, 18, Erimilton e Edvan, ambos de 27 anos, foram trazidos para Salvador e liberados no início da tarde pelo Instituto Médico- Legal. Familiares que sobreviveram à chacina estiveram no local, assim como um dos irmãos de Edson e Adilson, Domingos Santos Conceição, que mora na capital.

“Tinha pouco contato com eles. Mesmo sendo parente, a gente não segue a mesma trajetória e, por isso, me afastei. Eu sabia que o mais velho era envolvido com isso (tráfico). E pelo que sei, o outro estava passando uma temporada na casa dele e trabalhava com mototáxi. Mas só isso. Eles não ligavam pra mim e nemeu ligava pra eles”, disse. :: LEIA MAIS »

SP: PM matou mais durante chefia de corregedor

Leandro Calixto – O Estado de S.Paulo/JORNAL DA TARDE
A Polícia Militar da Grande São Paulo matou mais civis durante o período em que foi comandada pelo coronel Admir Gervásio Moreira, nomeado no fim do mês passado como o corregedor da PM. De março de 2009 a abril de 2010, foram registradas 150 mortes, enquanto no mesmo período do ano anterior foram 92 casos.

 Isso representa um aumento de 63% da violência policial no Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), segundo dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado. Coronel Gervásio ficou no CPM de 16 de abril de 2009 a maio deste ano.

O crescimento de mortes provocadas por PMs contra civis também foi registrado na capital e no interior. Mas em ambas regiões os números são inferiores em relação à área metropolitana. Na capital, no mesmo período comparado com a Grande São Paulo, o número subiu 38%. No interior, cresceu 50%.

:: LEIA MAIS »

Cinco pessoas da mesma família são mortas em chacina na Barra do Gil

Vera Cruz – 

Cinco pessoas da mesma família foram executadas em uma chacina na madrugada deste sábado (5) em Barra do Gil, em Vera Cruz. Todos dormiam no momento em que oito homens armados invadiram a casa e atiraram nas vítimas. Outras três pessoas ficaram feridas, entre elas uma mulher e um adolescente de 15 anos.

Segundo familiares, Adilson dos Santos Conceição, 33, Edson dos Santos Conceição, 46 anos, e os três filhos Erivaldo de Deus Conceição, 18, Eremilton de Deus Conceição, 27,  Edvan de Deus Conceição, 27, eram de Nazaré das Farinhas e haviam se mudado recentemente para Barra do Gil. Eles foram atingidos por vários disparos de escopeta, principalmente na cabeça e no peito.

Um homem foi baleado no peito e será transferido para o Hospital Geral do Estado em estado grave. Uma mulher foi baleada na perna e o adolescente A.S.C, 15 anos, foi baleado nas duas pernas.

Edson Conceição, pai dos três jovens mortos, teria passagem pela polícia por envolvimento com o tráfico. Polícia suspeita que execução tenha sido comandada por grupo rival. As informações são do Correio

Itabuna: Greve da Polícia Civil atrapalha investigação de chacina

Funcionários da Polícia Civil, em greve há seis dias, ameaçam paralisar completamente as atividades caso as reivindicações não sejam aprovadas nessa terça-feira (25).
 A categoria, que tem mantido 30% do efetivo em atividade. A depender do resultado pode paralisar completamente as atividades.
 O projeto prevê que os policiais tenham um piso salarial nacional. Em Brasília o salário de um policial é cerca de quatro vezes maior do que na Bahia. 
 Com a greve, estão suspensas atividades como investigação, emissão de identidade e laudos de arrombamento, perícia, antecedentes criminais e veículos. Continuam serviços como custódia de presos, levantamento cadavérico e prisão em flagrante, apenas quando conduzida pela Polícia Militar.

Chacina: quatro pessoas são mortas a tiros em Itabuna

CORREIO

Quatro pessoas foram mortas a tiros dentro de uma casa por volta de 01h30 da madrugada deste domingo (23),  na rua Hélio Aragão, no bairro Gogó da Ema, em Itabuna, a 426 km de Salvador. Segundo informações da Polícia Militar, as vítimas foram atingidas por disparos de uma arma calibre 12.

O autor do crime ainda  é ignorado. Segundo depoimento dos moradores da região, todas as pessoas assassinadas tinham envolvimento com o tráfico de drogas. De acordo com a TV Santa Cruz, foram realizadas buscas nas imediações, mas, nenhum suspeito foi localizado.

Os corpos foram identificados pelo Departamento de Polícia Técnica como sendo de Luciano Santos de Souza, 34 anos, Hugo Soares da Silva Filho, 46, Lucas Santos Oliveira, 19, e o adolescente Afonso Santos Pereira, 16.

Chacina faz quatro vítimas da mesma família em Campinas (SP)

da Folha

Quatro pessoas de uma mesma família foram mortas a tiros dentro de casa no jardim Novo Maracanã, em Campinas (93 km da capital). A chacina ocorreu por volta das 17h, quando os assassinos invadiram a casa das vítimas e dispararam vários tiros.

As vítimas foram levadas por vizinhos para o pronto socorro do Campo Grande, mas não resistiram aos ferimentos e morreram.

Segundo a Polícia Militar, morreram na chacina Isaias Anacleto Ribeiro, William Camargo Ribeiro, Lidia Silva Ribeiro e Silvana Camargo Ribeiro.

O assassinos ainda não foram identificados pela polícia.

O caso foi registrado no 11º Distrito Policial de Campinas.

Chacina em Conquista: promotor nega conhecer pedido de quebra de sigilo

Juscelino Souza, da Sucursal  da Tarde em Vitória da Conquista

O promotor, Marcelo Pinto, afirmou não ter conhecimento de que o Ministério Público Estadual (MPE) teria entrado com pedido de quebra de sigilo telefônico dos policiais acusados de participar da chamada “Chacina do Alto da Conquista”, em 28 de janeiro.
A informação ganhou força nesta sexta-feira, 14, no meio policial e mobilizou advogados das partes citadas na ação civil pública.
O promotor, no entanto, não quis se pronunciar sobre um pedido futuro nesses moldes. “Estamos aprofundando as investigações, porém desconheço esse fato”, sustentou, ao assumir o caso esta semana, em substituição a Genísia Oliveira.
“Também não posso afirmar sobre a condução dos trabalhos, mas se não houver prorrogação do pedido de prisão dos policiais, talvez tenhamos novidades”, concluiu.
O prazo expira em 5 de junho. Na próxima segunda-feira, 17, amigos e familiares dos 10 policiais presos em Salvador devem se reunir no salão do Rotary Clube, às 9 horas, para decidir sobre uma manifestação pelas ruas da cidade e bloqueio da BR-116 (Rio – Bahia) pedindo a soltura dos acusados.

O protesto, inicialmente marcado para esta quinta-feira, foi cancelado depois que o principal articulador, soldado David Salomão, foi convocado pelo comando do 9º Batalhão PM a prestar esclarecimentos sobre uma suposta falta ao posto de trabalho.

Salomão, que também dirige uma entidade de apoio a policiais, comprovou ter cumprido escala no dia anterior.

Homem preso em Porto Seguro comandou chacina no Prado

Lourival Macedo, o Gó, vivia em Porto Seguro fingindo ser pescador, mas era um criminoso de alta periculosidade

PORTO SEGURO/PRADO – Lourival Cruz de Macedo, conhecido como Gó, que foi preso em Porto Seguro na última segunda, é acusado de comandar uma chacina na cidade do Prado em 2007.

De acordo o promotor Wallace Carvalho, Gó e seus comparsas (identificados apenas como Satã e Juninho) assassinaram a golpes de faca o açougueiro Evilázio Alexandrino e sua enteada dentro da casa das vítimas.

A mulher do açougueiro, que estava na residência no momento do crime, conseguiu fugir levando nos braços um bebê. Ela e a criança foram os únicos que escaparam da chacina.

Acusadas de ajudar os assassinos, Vera Lúcia (irmã de Gó) e outra mulher conhecida como “Negona” estão presas na penitenciária de Teixeira de Freitas. :: LEIA MAIS »

Polícia investiga se chacina foi motivada por dívida com o tráfico de drogas

Do R7, com Agência Record

A polícia suspeita que as mortes dos seis moradores de rua, na madrugada desta terça-feira (11), na zona norte de São Paulo, pode ter sido motivada por dívida de droga ou por vingança. O delegado Luiz Fernando Lopes Teixeira, do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) diz que as investigações estão concentradas em ouvir as testemunhas que poderiam ter relação com a chacina.

As vítimas eram todas usuárias de drogas e viviam pelas ruas da região. Como relata Teixeira, o local onde os moradores foram mortos chegou a se transformar em uma “mini cracolândia” da zona norte, em referência à região central da cidade, próxima à Estação da Luz, que se tornou conhecida por ser um ponto de consumo e tráfico de drogas.

De acordo com informações preliminares, quatro homens que estavam em duas motos pequenas chegarem e dispararam contra seis pessoas. Cerca de um quilômetro distante do local dos primeiros tiros, os homens ainda balearam uma sétima vítima. Próximo aos corpos, foram encontradas cápsulas de dois tipos de armas diferentes, uma 380 e uma 9 mm.

Esta foi a segunda chacina em 24 horas na Grande São Paulo. Na madrugada de segunda-feira (10), em São Bernardo do Campo, seis pessoas foram assassinadas e três ficaram feridas em um ataque contra uma casa na periferia da cidade.

O DHPP investiga outras cinco chacinas que aconteceram desde o começo do ano. Apenas um desses casos está prestes a ser solucionado. Até o momento, ninguém foi preso.

Sexta vítima de chacina na zona norte de SP morre em hospital

da Folha

Morreu na manhã desta terça-feira a sexta vítima de uma chacina ocorrida durante a madrugada na região do Jaçanã, na zona norte de São Paulo. As vítimas eram moradores de rua. Uma mulher, também ferida, continua internada em estado grave.

Segundo informações da Polícia Militar, policiais foram acionados por volta da 0h30 para atender uma ocorrência de tiros disparados no km 86 da rodovia Fernão Dias, em baixo da alça de acesso ao viaduto da Vila Galvão. No local foram encontradas cinco vítimas já mortas e outras duas feridas.

As duas vítimas feridas foram encaminhadas para hospitais da região, mas uma delas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Testemunhas informaram a polícia que o crime foi praticado por cinco homens armados que chegaram ao local em três motocicletas. Eles pararam e efetuaram vários disparos contra os moradores de rua dormiam no local.

Um outro homicídio foi registrado ainda na região, na rua Manoel Fernandes da Silva, Jardim Modelo, também na madrugada, mas a polícia não soube informar se há relação entre os crimes. O caso foi registrado no 73º DP (Jaçanã).

Essa foi a segunda chacina registrada na região metropolitana de São Paulo nos dois últimos dias. Outras seis pessoas já tinham sido assassinadas em São Bernardo do Campo, totalizando 12 pessoas óbitos nos dois crimes.

Chacina deixa quatro mortos em Chicago

Reprodução/WGN

Ao menos quatro pessoas morreram em uma chacina no bairro de Marquette Park, em Chicago, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (14), informou a rede de televisão CNN.
De acordo com a rede WGN, entre as vítimas há duas crianças, de 7 meses e 3 anos, e uma adolescente de 16 anos que, segundo amigos, estava grávida de 4 meses. A quarta vítima, segundo um policial que pediu anonimato, é uma mulher de idade não definida.
A polícia foi chamada por volta das 4h30 no horário local (6h30 em Brasília). Dentro de uma casa na rua Mozart, oficiais encontraram os corpos das quatro vítimas, além de duas outras pessoas feridas, um homem e uma mulher, que foram levados em estado grave ao hospital de Oak Lawn.

:: LEIA MAIS »

Feira de Santana: quatro pessoas são mortas a tiros e criança é baleada

Quatro pessoas foram mortas a tiros por volta das 20h30 de terça-feira (09) na rua 25 de Setembro, na Comunidade de Vila Verde, no bairro Feira X, no município de Feira de Santana, a 107 km de Salvador. Dois homens invadiram a casa das vítimas e efetuaram os disparos. Um garoto de 10 anos levou um tiro no peito e está internado no Hospital Clériston Andrade. :: LEIA MAIS »

Polícia encontra dois corpos de chacina em Pero Vaz

A tatuagem tribal na região do cóccix e o cabelo trançado que a adolescente Érica dos Santos Calmon, 15 anos, ostentava com orgulho foram as marcas que agentes da 2ª Delegacia (Liberdade) usaram para identificar seu corpo em meio a galhos secos, lama e insetos na localidade de Machadinho, na Estrada da Cascalheira, em Camaçari.

O corpo da adolescente, que estava desaparecida desde a noite de quinta- feira após operação no Pero Vaz da Polícia Militar que culminou com a morte de quatro pessoas e no desaparecimento dela e mais três, foi encontrado na terça-feira (9) à tarde ainda trajando short jeans e com perfurações nas costas. “Meu Deus, pelo que você está dizendo é ela mesmo”, lamentou a mãe de Érica, a comerciante Natalice Fernandes, ao ser informada pela reportagem e confirmar os traços da filha como iguais à descrição do corpo. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia