WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘cassação’

Recurso de Kassab contra cassação deve ser julgado nesta terça

Agência Brasil

SÃO PAULO – O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo deve julgar na tarde de terça-feira, 25, recurso do prefeito da cidade de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), contra sua cassação. O prefeito foi cassado em fevereiro por uma decisão de primeira instância do juiz Aloisio Sérgio Rezende Silveira.

O juiz considerou que o prefeito recebeu doações irregulares em sua última campanha eleitoral, entre elas uma da Associação Imobiliária Brasileira, suspeita de ser uma empresa fantasma criada por sindicatos do setor imobiliário. Sindicatos são proibidos de fazer doações para campanhas políticas. O juiz também considerou irregular a doação feita pelo Banco Itaú, que mantinha um contrato com a prefeitura de São Paulo na época da campanha. :: LEIA MAIS »

TRE decide pela cassação de Arruda

BRASÍLIA (Reuters) – O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal cassou nesta terça-feira o mandato do governador licenciado e preso do DF, José Roberto Arruda, por estar desfiliado do Democratas desde 10 de dezembro. A medida, decidida em votação nesta terça-feira, tem validade imediata. Houve empate por 3 a 3 e o presidente da Corte regional desempatou, votando pela cassação do mandato.

O pedido de cassação se baseia em resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A regra determina que os mandatos pertencem aos partidos pelos quais os políticos são eleitos. Como arruda se desfiliou do DEM no fim do ano passado, para evitar uma expulsão por conta do escândalo político no Distrito Federal, ele ficou sujeito à perda de mandato. :: LEIA MAIS »

Juiz anula cassação de vereador de São Paulo

Agência Brasil

São Paulo – O juiz eleitoral Aloisio Sérgio Rezende Silveira anulou a cassação do vereador Italo Cardoso Araújo (PT-SP). A informação foi confirmada agora há pouco pela assessoria de imprensa do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo.

O petista havia sido cassado pelo juiz na semana passada junto com outros sete vereadores por supostamente ter recebido doações ilícitas em sua última campanha. Ontem (25), o juiz deferiu um recurso – embargo de declaração – apresentado pelo advogado do vereador e modificou a sentença, excluindo o nome de Italo Cardoso.

DF: Eurides Brito, a “deputada da bolsa”, descarta renunciar para se livrar de cassação

R7

A deputada distrital Eurides Brito (PMDB) disse, por meio de sua assessoria, que não vai renunciar ao cargo e vai enfrentar o processo por quebra de decoro parlamentar que foi aceito nesta quinta-feira (25) pela Comissão de Ética da Câmara Legislativa do Distrito Federal. Além de Eurides, a comissão abriu inquérito contra o ex-presidente da Câmara, Leonardo Prudente (ex-DEM, sem partido) e Júnior Brunelli (PSC). Eles são suspeitos de participar do mensalão do DEM, esquema de corrupção no governo do DF investigado na operação Caixa de Pandora.

Eurides foi flagrada em vídeo recebendo dinheiro de Durval Barbosa, ex-secretário do governo, delator do suposto esquema, e colocando em uma bolsa. A deputada nega as acusações e, na época da denúncia, disse que a gravação foi deturpada. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia