WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


novembro 2020
D S T Q Q S S
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘brejões’

Polícia Federal ainda pretende prender seis dentro da Operação Carcará

CORREIO

Segundo informações da assessoria da Polícia Federal em Salvador, seis mandados de prisão ainda precisam ser cumpridos dentro da Operação Carcará, iniciada nesta quarta-feira (10) em diversos municípios da Bahia.  Os nomes das pessoas procuradas ainda não foi divulgado.

Sete prefeitos, quatro secretários e mais 25 pessoas ligadas a prefeituras de 20 municípios baianos. O que poderia ser uma reunião de servidores públicos e fornecedores é na verdade a quantidade de mandatos de prisão cumpridos ontem, na Operação Carcará, a maior já realizada contra a corrupção na história da Superintendência da Polícia Federal (PF) da Bahia.

O esquema envolvia fraudes em licitações e desvios de verbas de merendas escolares, compra de medicamentos e obras com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O golpe causou um prejuízo estimado em R$ 65 milhões aos cofres públicos.

Os prefeitos de Utinga, Joyuson Vieira (PSDB); de Cafarnaum, Ivanilton Oliveira (PSDB); de Lençóis, Marcos Airton Araújo (PR); de Aratuípe, Antônio Miranda Júnior (PMDB); de Elísio Medrado, Everaldo Caldas (PP); de Santa Terezinha, Delson de Gregório (PTB), e de Itatim, Raimunda Silva dos Santos (PSDB), tiveram a prisão temporária decretada e estão na sede da PF, em Águas de Meninos. Os demais presos na operação foram transferidos para a Cadeia Pública da Mata Escura.

As demais prefeituras investigadas estão, em sua maioria, nas regiões da Chapada Diamantina e no Centro-sul. São elas Ibicoara, Brejões, Cândido Sales, Iraquara, Bonito, Santo Estevão, Lamarão, Mulungu do Morro, Souto Soares, Castro Alves, Lafayete Coutinho, Palmeiras e Cravolândia. :: LEIA MAIS »

População vive dia de terror no interior da Bahia

Bandidos fortemente armados assaltaram as agências do Bradesco e do Banco do Brasil na cidade de Brejões e levaram 11 pessoas como reféns    

BREJÕES – O município de Brejões, centro sul baiano, situado na região de Jequié, viveu um dia de terror na última quinta-feira. Cinco homens fortemente armados invadiram a cidade e assaltaram as agências do Banco do Brasil e do Bradesco. 11 pessoas foram levadas como reféns e libertadas horas depois. Um dos funcionários do BB foi atingido por um tiro na perna.

 A notícia se espalhou pela região e o comércio de cidades vizinhas fechou as portas temendo novas ações dos bandidos. Do Bahia Dia Dia



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia