WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘aranha’

Homem morre vítima de mais de 300 picadas de abelhas no interior de SP

Do G1 SP, com informações da TV Tem

Um homem morreu na tarde desta segunda-feira (28) vítima de picadas de abelhas em Tarumã, interior de São Paulo. David Donizete Machado, de 42 anos, trabalhava como topógrafo em uma propriedade rural quando foi atacado.

Segundo o Corpo de Bombeiros, ele recebeu mais de 300 picadas. Um colega dele conseguiu escapar do ataque.

DESCOBERTA DOENÇA DE MENINO PICADO POR ARANHA

O garoto de 11 meses que teve uma perna amputada depois de, supostamente, ter sido picado por uma aranha em Alagoinhas sofre, na verdade, de uma doença chamada fasceíte necrosante. O garoto vinha sendo tratado no Instituto da Criança do Hospital das Clínicas (SP), local onde a doença foi enfim diagnosticada. O mal causa infecção na pele, camada de gordura e nos músculos, o que causa necrose e conseqüente necessidade de amputação dos membros.  Os cuidados dos médicos, por outro lado, conseguiram estabilizar o estado de saúde da criança, que não tem mais evolução da necrose, mas ainda respira com a ajuda de aparelhos. Até agora, os médicos identificaram a presença de um fungo na região afetada, mas ainda não há a certeza se essa é a causa da doença. As informações são do Correio.

Bahia Noticias

Necrose em bebê supostamente picado por aranha chega ao tórax

O bebê I.N.O, de 11 meses, que teve a perna amputada após suposta picada de aranha-marrom em Alagoinhas, interior da Bahia, continua em estado grave. “A necrose continua se alastrando e tomou parte do tórax e parede abdominal da criança”, de acordo com o último boletim médico divulgado pelo Instituto da Criança do Hospital das Clínicas de São Paulo, nesta terça-feira, 23.

A criança foi transferida para São Paulo após passar por quatro intervenções no Hospital Jorge Valente, em Salvador, onde teve a perna amputada na tentativa de conter a necrose do organismo do bebê. O diagnóstico de picada de aranha não é conclusivo, já que o animal não foi encontrado na casa do menino. :: LEIA MAIS »

Menino de 11 meses que teve perna amputada na Bahia é operado em SP

O menino Igor Ferreira, de 11 meses, que teve a perna esquerda amputada após uma suposta picada de aranha em Alagoinhas (BA), em 21 de fevereiro, passou por uma cirurgia no Instituto da Criança do Hospital das Clínicas na noite de sexta-feira (19). Segundo informações do boletim médico, o estado do menino é grave, mas segue estável.

 Ainda de acordo com o documento, foram retiradas áreas de necrose da coxa esquerda e da parede abdominal da criança. Os médicos esperam o resultado de diversos exames e as conclusões das avaliações solicitadas a equipes médicas de diversas especialidades como cirurgia infantil, ortopedia, infectologia e imunologia. :: LEIA MAIS »

Bebê que teria sido picado por aranha será transferido para São Paulo

Será transferido para o Hospital das Clínicas em São Paulo, o bebê de 11 meses internado na  Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Jorge Valente, em Salvador, após supostamente ter sido picado por uma aranha da espécie Loxosceles, conhecida como aranha-marrom.

De acordo com o Diretor Técnico Administrativo do Hospital Jorge Valente, Humberto Silveira Alves, a família solicitou na manhã desta quinta-feira, 18, a remoção da criança para outra unidade hospitalar. “Não houve melhora no estado de saúde e procedimentos que fizemos na terça-feira não surtiram efeito”, afirmou Humberto, em referência a uma exsanguíneo-transfusão, que consiste na transfusão de sangue na região atingida por necrose. :: LEIA MAIS »

Necrose evolui em bebê que pode ter sido picado por aranha

Continua em evolução a necrose no corpo do bebê de 11 meses que teria sido picado por uma aranha da espécie Loxosceles, conhecida como aranha-marrom. Nesta quarta-feira, 17, o diretor do Hospital Jorge Valente, Humberto Silveira Alves, disse que a criança é mantida sedada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O garoto já teve uma perna amputada e, na terça-feira, 16, passou por uma exsanguíneo-transfusão (transfusão de sangue localizada na região atingida pela necrose), na tentativa de interromper o avanço do problema, mas até o momento o procedimento não apresentou resultado. :: LEIA MAIS »

Bebê picado por aranha marrom corre risco de morte

Um bebê de 11 meses, completados nesta terça, está internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Jorge Valente (Av. Garibaldi) em estado grave. No último domingo, a criança teve a perna esquerda amputada, devido a uma necrose causada, supostamente, por uma picada de aranha da espécie Loxosceles, conhecida como aranha-marrom.

O fato ocorreu em Alagoinhas (a 107 km da capital), no dia 21 de fevereiro. “De madrugada, ele gritou e começou a chorar muito”, conta a mãe, Jamile Ferreira. “Pegamos ele do berço e fomos, então, a um posto de saúde na cidade. Ali, vimos um pequeno hematoma”, ela lembra. :: LEIA MAIS »

Bebê de 10 meses picado por animal peçonhento continua na UTI

Uma criança de 10 meses, com suspeita de picada de animal peçonhento no município de Alagoinhas (a 93 km de Salvador), permanece em estado grave na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Jorge Valente nesta terça-feira, 16.

Segundo Humberto Alves, diretor médico do hospital, o menino, que já teve uma perna amputada, apresenta uma necrose avançada, porém, o bebê tem órgãos vitais funcionando.

A suspeita é de que ele tenha sido picado por uma aranha-marrom, conhecida por sua picada necrosante. No entanto, a dúvida não se deve ao tipo da picada, mas ao fato de a família não ter encontrado o causador da lesão. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia