WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


outubro 2020
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: 7/out/2020 . 8:57

Vamos orar: Mais 3 igrejas são fechadas na Argélia

Antes do fechamento das igrejas na Argélia, o número de pessoas que frequentavam os cultos era crescente e preocupava as autoridades

Antes do fechamento das igrejas na Argélia, o número de pessoas que frequentavam os cultos era crescente e preocupava as autoridades

Em agosto de 2020, mais três igrejas foram fechadas por um tribunal administrativo na ArgéliaA Portas Abertas noticiou o fechamento de diversas igrejas pelo governo em 2019. A ação de lacrar os templos cristãos é resultado de uma portaria que obriga os locais de adoração não muçulmanos a terem uma autorização prévia para funcionamento. Na prática, as autorizações não são emitidas, porque o comitê responsável não se reúne. Apesar disso, mais seis outras comunidades cristãs estão esperando a resposta das autoridades para regularizar o funcionamento.

O governo argelino também continua recusando o pedido de renovação do registro da Associação das Igrejas Protestantes da Argélia (EPA, da sigla em francês). O fato é contraditório às promessas governamentais de aprovar uma nova Constituição que respeite mais os Direitos Humanos. “O problema não é mudar a Constituição, mas é mudar a mentalidade daqueles que governam nosso país”, explica o pastor Salah Chalah, presidente da EPA.

O impacto da nova Constituição para as igrejas

Segundo o líder cristão, o trecho da nova Constituição que prevê a liberdade de crença é bem semelhante ao documento anterior. Mas não altera a lei que obriga os locais de adoração não muçulmanos a terem uma licença especial para funcionamento. “Sabemos que esta lei é repressiva e está destruindo a liberdade. Até que a portaria de 2006 seja revogada, o problema permanecerá como está, e os cristãos ainda sofrerão injustiças e serão prejudicados nos direitos fundamentais e principalmente no de adorar pacificamente”, acrescenta o pastor Chalah. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia