Helen compreendeu que quanto mais as pessoas se afastavam de Deus mais problemas tinham

Helen compreendeu que quanto mais as pessoas se afastavam de Deus mais problemas tinham

Helen, da Eritreia, é cantora e, quando estudou teologia, aprendeu muito sobre evangelização. Aquilo tomou conta dela. Ela começou a pregar o evangelho em cafés, igrejas, em todo lugar. Helen compreendeu que quanto mais as pessoas se afastavam de Deus mais problemas tinham. Por isso, ela dizia: “Por favor, se volte para Deus”. Certa vez, ela pregou em frente a uma igreja até as autoridades chegarem e a prenderem. “Elas disseram que eu deveria parar de pregar na rua e eu respondi: ‘Não posso parar de evangelizar, pois Deus pede para pregar o evangelho em toda parte. Eu sou uma seguidora de Deus, não posso parar’. Naquela época as coisas ainda não eram tão rigorosas e me deixaram ir, mas desde então a situação mudou muito.”

Em 2003, Helen gravou um vídeo de música cristã secretamente. Ele foi vendido em todo o mundo e ficou muito popular entre os jovens cristãos eritreus. A cristã estava feliz porque, apesar de muitas igrejas terem sido fechadas, ela alcançava pessoas com o evangelho. Ela só não desconfiava que a polícia secreta a estava vigiando. Por isso, em uma batida policial, o DVD de Helen foi encontrado e ela presa.

“Eles me prenderam, mas não me interrogaram, nem me levaram ao juiz. Lá, eu notei a grande quantidade de jovens e procurei ajudá-los. Todos estavam muito doentes. Por orar pelas pessoas, eles me mandaram para bem longe da cidade. Decidiram me colocar em um contêiner de metal, onde não conseguiria ajudar ninguém”, conta.

Helen foi levada para uma prisão destinada a criminosos perigosos bem longe da capital, Asmara. Meses de tortura a esperavam. Parecia impossível viver a fé, a esperança e o amor ali. Apesar das circunstâncias, ela entendeu que podia vencer, afinal, estava ao lado do vencedor. Helen começou a dar estudos bíblicos e cantar com outras mulheres na prisão-contêiner. Ela foi severamente castigada por diversas vezes. “Apesar de tudo, eu ouvi a voz de Deus muito claramente. Eu perguntei a ele: ‘O que é bom nessa tortura? Na tua palavra está escrito que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que creem em ti. O que é bom nisso?’.” Ela entendeu que sofrer por Cristo pode ser um dom de Deus.

Assista ao testemunho de Helen
Confira a história completa de Helen, essa cristã que esteve no Brasil para compartilhar seu testemunho em 2014, e tenha sua vida impactada! Este é o 6º episódio da série Faces da Perseguição. Você pode ter acesso às demais histórias de cristãos perseguidos do mundo todo aqui. Além disso, você pode receber com exclusividade por e-mail, antes da data de lançamento, os próximos episódios. Gostou da ideia? É só fazer um cadastro.

Faces da Perseguição
A série Faces da Perseguição tem como objetivo aproximar a igreja brasileira da realidade vivida pelos cristãos perseguidos. A Portas Abertas apoia esses irmãos e irmãs por meio de projetos destinados a suprir as necessidades mais urgentes encontradas no campo. Você pode fazer parte disso! Sua doação pode ser utilizada em ajuda socioeconômica, seja por meio de alimentos, roupas, medicamentos, aluguel, escola, renda, ou ainda treinamento, distribuição de Bíblias e literatura cristã, e ações institucionais.

Fonte: Portas Abertas