DIA 23

16 DE MAIO

 
No lindo estado de Kerala, você verá algo que não vê em outras partes rurais da Índia: meninas caminhando para a escola com os meninos. As aldeias de classe média ao longo da costa possuem suas próprias mesquitas e madrassas coloridas, onde crianças (tanto meninos quanto meninas) são ensinadas a ler, escrever e recitar o Alcorão em um tipo moderado de Islã. Com uma taxa de alfabetização de 90%, a maioria dos quase dez milhões de Mappilas nessa região é instruída e, muitas vezes, viajam frequentemente. Cada vez mais, eles representam um movimento crescente para aumentar o valor e os direitos das mulheres. Em janeiro de 2019, Ayisha segurou o rosto da filha na mão e inclinou-se para olhá-la nos olhos, dizendo: “Hoje, terei voz como mulher. Por causa do que farei hoje, direi que mulheres, mulheres muçulmanas, mulheres Mappila, mulheres em Kerala e em toda a Índia são tão valiosas quanto os homens e devem ser tratadas igualmente. ” Naquele dia, Ayisha se uniu a cinco milhões de outras mulheres formando uma “Muralha da Mulher” que se estendeu por 385 milhas. Elas ficaram de pé, de frente para a estrada, as mãos direitas estendidas, para silenciosamente espalhar a mensagem de que as mulheres têm valor, direitos e importância aos olhos de Deus e dos Homens. Talvez sejam as mulheres Mappila que terão a mesma coragem e fé para levar sua família ao Reino de Deus.

Como podemos orar?

  1. Ore pelas famílias Mappila, que frequentemente vivem separadas porque o marido trabalha em um país do Golfo para sustentar a família. (Salmo 68:5-6b).
  2. Ore para que as mulheres de Mappila conheçam a verdade sobre quem são em Cristo e continuem a defender o valor de cada pessoa (Gálatas 4:7).
  3. Ore para que os quase 10 milhões de Mappila, os primeiros indianos a abraçar o Islã há 1000 anos, abracem e compartilhem as boas novas do Reino de Deus (Isaías 61:4).