DIA 13

06 DE MAIO

 

OIslã foi trazido para os Estados Unidos por escravos muçulmanos africanos. Permaneceu ali, oculto e silencioso até começar a ressurgir no início do século XX.

A Nação do Islã (NOI) é um movimento político e religioso islâmico fundado em Detroit, EUA, em 1930 por Wallace D. Fard (Wali Fard Muhammad). Foi rapidamente assumido por seu assistente, Elijah (Poole) Muhamad e promoveu os princípios básicos do Islã: uma vida familiar forte e práticas tradicionais islâmicas. Elijah Muhammad também desenvolveu uma narrativa para inspirar os negros na América com um senso de sua própria identidade e poder, inicialmente pedindo a criação de uma nação negra separada nos estados do sul.

O líder mais famoso da NOI, Malcolm X, assumiu o controle na década de 1950, mas depois foi expulso e adotou um Islã mais ortodoxo antes de ser morto em 1965. O movimento experimentou várias divisões e mudanças antes que o movimento nacional fosse restaurado em 1977, sob a carismática liderança de Louis Farrakhan. Farrakhan tornou-se uma voz proeminente na América, com o objetivo de promover os interesses econômicos das famílias negras e redefinir os estereótipos negativos dos homens negros.

As crenças da NOI são semelhantes às do islamismo sunita, embora a NOI permita aos seguidores a opção de jejuar durante o mês de dezembro, em vez do mês tradicional do Ramadã, como uma conveniência para os novos convertidos. Existem outras controvérsias em torno do NOI: grupos muçulmanos e não-muçulmanos discordam de algumas de suas ideologias e estratégias. No entanto, este continua sendo um movimento influente, com cerca de 20.000 a 50.000 membros.

Como podemos orar?

  1. 1/5 dos muçulmanos americanos são negros e metade deles se converte ao islamismo. Ore para que os muçulmanos negros na América tenham encontros com Jesus para que venham mudar suas vidas.
  2. Ore para que organizações e indivíduos que atualmente estão lidando com a injustiça racial nos EUA tenham sabedoria e força.
  3. Ore para que a Igreja Americana se comprometa a amar seus vizinhos muçulmanos como Cristo ordenou. (Lucas 10: 25-37)