WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


abril 2020
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  


:: 3/abr/2020 . 16:04

Bolsonaro proclama jejum pelo Brasil no próximo domingo

Presidente Jair Bolsonaro durante pronunciamento em rede nacional. (Foto: Isac Nóbrega/PR)

Presidente Jair Bolsonaro durante pronunciamento em rede nacional. (Foto: Isac Nóbrega/PR)

O presidente Jair Bolsonaro pediu ao povo que fizesse um dia de jejum em razão de interceder pelo Brasil contra o coronavírus para o próximo domigo (5). O pedido foi feito inicialmente na última quinta-feira (2), após um momento com jornalistas, ao atender um grupo de pastores do lado externo do Palácio da Alvorada.

“Tenho certeza que o Brasil sairá dessa muito mais forte. Muito obrigado a todos vocês e, domingo, para aqueles que têm fé e acreditam, é dia de jejum”, disse o presidente em um vídeo dedicado aos evangélicos.

Posteriormente o presidente comentou o pedido em entrevista para a Jovem Pan.

“Sou católico e minha esposa, evangélica. É um pedido dessas pessoas. Estou pedindo um dia de jejum para quem tem fé. Então, a gente vai, brevemente, com os pastores, padres e religiosos anunciar. Pedir um dia de jejum para todo o povo brasileiro, em nome, obviamente, de que o Brasil fique livre desse mal o mais rápido possível”, declarou.

Ao final da entrevista para a rádio, Bolsonaro sugeriu que a população deve manter a calma.

“Paz, calma e tranquilidade para quem tem fé. Tivemos outras gripes no passado. Vencemos, sem esse alarmismo todo”, destacou.

E então, voltou a falar sobre a ideia do jejum.

“Evangélicos e católicos têm pedido a mim para que a gente possa marcar um dia de jejum de todo o povo brasileiro, para a gente ficar livre desse mal o mais rápido possível”, disse.

Pedido atendido

Dias antes de Bolsonaro fazer o pedido ao povo, o apóstolo Luiz Hermínio havia feito uma solicitação abertamente durante uma de suas pregações, para que o presidente convocasse um dia de jejum pela nação em meio à pandemia.

Fonte: Guiame

Ataque em universidade do Quênia completa 5 anos

Sobreviventes do ataque na Universidade de Garissa compartilham as experiências após traumas

Sobreviventes do ataque na Universidade de Garissa compartilham as experiências após traumas

Há cinco anos, a Universidade de Garissa foi atacada pelos extremistas islâmicos do Al-Shabaab, no Nordeste do Quênia. Após os radicais cercarem o local por 15 horas, universitários cristãos pagaram com a vida o preço de não negarem a Jesus. Os sobreviventes têm as marcas físicas e emocionais do incidente. A Portas Abertas contou a história na ocasião, e desde então trabalha no acompanhamento das vítimas. Uma das formas de trabalhar para a restauração dos cristãos foi promover um encontro de mais de 70 sobreviventes de todas as partes do país. O contato com os participantes permitiu a visão de como Deus trabalha em cada coração ferido.

Ben* estava a caminho da reunião de oração naquela manhã de abril. Ele ouviu os tiros e voltou para se esconder no alojamento. Ele confessa que as memórias do ataque são frequentes e que os aconselhamentos ajudam a elaborar melhor os fatos. “As feridas estão curadas, mas as cicatrizes estão lá”, explica. Quanto ao perdão, ele é honesto, admite que não tem ódio pelos muçulmanos, mas que perdoar os extremistas é algo que só o Senhor pode fazer: “…eu não sei… acho que Deus fará isso por eles”.

Ronnie* é outro sobrevivente que recorda do ataque sempre que olha nas mãos ou precisa ouvir alguma coisa. Ele foi baleado ao tentar escapar e teve a mão e a mandíbula atingidas, por isso perdeu três dedos esquerdos e teve a audição afetada. Outra consequência é a dificuldade de encontrar um emprego. Mesmo apto para ser um professor, a perda auditiva faz com que ele não seja contratado pelos administradores das escolas. “Outras pessoas podem ficar um dia ou dois sem pensar no incidente. Para mim, é diferente. Sempre que olho para os meus dedos ou me esforço para ouvir alguém, sou forçado a lembrar de tudo novamente”, diz Ronnie. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia