WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov   jan »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  


:: 12/dez/2019 . 8:05

Vamos orar: 5 motivos para orar pelo Quênia

Cristãos no Quênia enfrentam perseguição de extremistas e são ignorados pelos governantes

Cristãos no Quênia enfrentam perseguição de extremistas e são ignorados pelos governantes

Hoje comemora-se o Dia da Independência do Quênia, desde 1963. As veias comerciárias do país fizeram que por séculos, tribos da costa do país trocassem mercadorias com árabes. Os portugueses passaram pelo país no século 16. No século 19, as relações comerciais com a Europa se intensificaram, e em 1980, os britânicos tomaram o país e estabeleceram-no como colônia em 1920.

A doação de terras quenianas para colonos da Grã-Bretanha e África do Sul revoltou a população. Após muitas rebeliões, o país tornou-se independente. A igreja cristã esteve presente no país desde a chegada dos portugueses, mas foi expulsa da costa do país e só pôde voltar em 1844, quando a Igreja Anglicana enviou o missionário Johann Ludwig Krapf. Após esse marco, novas denominações foram se estabelecendo no país.

Hoje, o país está na Lista Mundial da Perseguição 2019 em 40º lugar por causa da perseguição que os cristãos estão enfrentando do grupo radical islâmico Al-Shabaab. Outro fator, que dificulta a expressão livre da fé, é a corrupção dos governantes. Confira 5 motivos para orar pelo Quênia. :: LEIA MAIS »

Mulher precisa de oração para seguir a Jesus no Quirguistão

Uma mulher muçulmana que decide seguir a Jesus fica vulnerável à perseguição do esposo e parentes

Uma mulher muçulmana que decide seguir a Jesus fica vulnerável à perseguição do esposo e parentes

Uma mulher muçulmana que escolhe seguir a Jesus enfrenta muitos obstáculos pelo caminho. Alguns deles a colocam em total vulnerabilidade. Se ela for casada, há um grande risco de ser agredida pelo marido, enfrentar um divórcio e ser obrigada a deixar os filhos. A chance de não encontrar maneiras de suprir as próprias necessidades é grande, já que muitas não são alfabetizadas e nunca fizeram outros trabalhos além de cuidar da casa. Saber de todas essas dificuldades amedronta a tomada de decisão por Cristo. Munira*, do Quirguistão, está prestes a ficar vulnerável à perseguição por causa da fé.

A muçulmana tinha muitos problemas com a família. Vários parentes moram na mesma casa que ela. Os problemas da convivência com o marido, filhos e demais familiares causaram dor e ressentimento em Munira. Em um momento de desespero, ela procurou o contato de um dos colaboradores da Portas Abertas na internet e ligou para ele. Em resposta, a mulher recebeu acolhimento, e materiais como audiolivros na língua materna e filmes cristãos. Os conteúdos foram apreciados por ela, e passaram a ser praticados no dia a dia. O resultado foram as mudanças nos relacionamentos com o marido e filhos, tudo isso contagiou também as pessoas que convivem com ela. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia