WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


julho 2011
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: jul/2011

Acusado de matar homem a pauladas é preso em Vitória da Conquista

Flávio Soares da Silva, 42 anos, foi preso por investigadores da delegacia de Vitória da Conquista, acusado de ser o autor de um homicídio ocorrido em maio no bairro Jardim Sudoeste. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), na quarta-feira (29), Flávio declarou à delegada Decimária Cardoso ter matado a pauladas e golpes de facão Pedro Rocha Viana dentro de uma residência e arrastado o corpo até um terreno baldio. O acusado disse ainda que, no dia do crime, ele e a vítima ingeriam bebida alcoólica com duas mulheres. Pedro teria tentado estuprar a garota que o acompanhava, atitude que, segundo Flávio, motivou o assassinato. A delegada Decimária Cardoso o autuou em flagrante por receptação, e vai solicitar à Justiça sua prisão preventiva pelo assassinato. Com Flávio, os policiais recuperaram também uma motocicleta Honda Biz, de cor azul, placa GYD-1281. A moto havia sido roubada no Povoado do Abacaxi, zona rural do município. O acusado foi encaminhado ao Presídio Nilton Gonçalves. A polícia procura ainda um comparsa de Flávio que teria ajudado a esconder o corpo da vítima (Correio).

Polícia do Rio prende 21 suspeitos de quadrilha de funcionários fantasmas

Do G1 RJ

Vinte e um suspeitos de integrar uma quadrilha de funcionários fantasmas já foram presos na Operação Saldo Zero, da Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Segurança e da Secretaria estadual de Saúde, que está em andamento desde o início da manhã desta sexta-feira (1º). A quadrilha é suspeita de desviar dinheiro público.

 A investigação de dois meses conta com o apoio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) e do Núcleo de Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil.

Participam da ação 115 policiais civis, que cumprem 31 mandados de prisão temporária e dois de busca e apreensão. Os envolvidos são acusados de inserção de dados falsos em sistema de informações, peculato e formação de quadrilha, podendo pegar até 12 anos de prisão. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia