O MEC- Ministério da Educação e Cultura, após levantamento no Brasil resolveu reduzir em 10.912 vagas dos cursos de Direito existentes no país. O Estado da Bahia perdeu 310 vagas de bacharelado de direito. Motivada por fraco desempenho no conceito preliminar.

A redução das vagas atingiu cursos que tiveram notas 1 ou 2, em uma avaliação que vai até 5. O índice do MEC de aprovação leva em conta, além do desempenho dos estudantes, o corpo docente, a infraestrutura e os recursos didático-pedagógicos, entre outros na avaliação.

Na Bahia, as unidades que tiveram redução nas vagas foram: Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas (Facisa), em Itamaraju, (65 vagas); Instituto de Educação Superior Unyahna de Barreiras, (40 vagas), e Faculdade São Francisco (30 vagas), ambas de Barreiras; Faculdade de  Ciências e Tecnologia – FTC  de Vitória da Conquista, (40 vagas)), de; Faculdades Metropolitanas de Camaçari, (15) ; Faculdade Regional da Bahia (Farb), (60 vagas), e Instituto de Educação Superior Unyahna, em Salvador, (60 vagas). Blog da Resenha