Blog do Marcelo 

Por volta das 13:30 desta segunda-feira (16), o corpo do agricultor Antônio Mendes Fernandes, 32 anos, que estava preso sob acusação de estuprar a própria filha de 7 anos, foi encontrado sem vida na cela em que ocupava com outros encarcerados, no presídio Nilton Gonçalves. Segundo informações da 10ª Coorpin, Antonio foi morto a pauladas, pelos próprios colegas. Acredita-se na tese de retaliação por parte dos outros presos. A polícia fez o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o IML.

Crime

Segundo a mãe da criança Célia Batista dos Santos Fernandes, seu ex-marido Antonio Mendes Fernandes, de 32 anos foi a sua residência e pegou a menor de iniciais I.B.S.F. de 7 (sete) anos de idade para passar o final de semana com ele. No sabado (14) a mãe foi buscar a garota e ao chegar a casa viu que a menina estava com suas partes íntimas sangrando, verificando que a mesma havia sido abusada sexualmente pelo próprio pai.

A mãe procurou o Plantão Central da Polícia Civil e a Delegada de Polícia Civil Dr. Carla determinou a realização de Exame Médico Legal na criança para constatar o estupro.Constatado o abuso sexual determinou a equipe do GAT – Grupo de Apoio Tático da 10ª Coorpin que comparecesse à Avenida Caravelas, n? 130, Kadija e conduzisse imediatamente Antônio, que foi autuado em flagrante por crime de estupro de vulnerável. A criança foi internada em estado grave e permanece sob cuidados médico. O pai foi conduzido ao Presídio Regional Nilton Gonçalves e está à disposição do Juiz Criminal.