CORREIO

Dois acusados de matar um vigilante durante um assalto a um banco em Lagoa Real foram presos na noite desta quinta-feira (10). Os assaltantes estavam escondidos em um matagal, na divisa do município com Brumado. O nome dos acusados não foram divulgados.
Um dos acusados teria sido baleado ao resistir à prisão. Segundo o Brumado Notícias, a população da cidade teria ameaçado linchar os assaltantes assim que eles foram conduzidos à delegacia da cidade. Os acusados foram encaminhados à 22ª Coordenadoria Regional de Policia do Interior (Coorpin), em Guanambi.
Um terceiro acusado de participar do assalto continua foragido. A polícia informou que já existem pistas da localização do acusado.