Clarissa Pacheco | A Tarde On Line

Uma quadrilha que assaltava bancos no interior da Bahia entre os meses de outubro de dezembro de 2010 foi presa no início da noite desta quinta-feira, 6, em Feira de Santana. Genivaldo Reis dos Santos, Haroldo Jesus de Brito, André Bastos Rodrigues e Sérgio Ferreira Conceição, todos com passagem pela polícia por roubo, foram presos por policiais da 1ª Coorpin de Feira de Santana.
De acordo com o delegado titular da 1ª Coorpin, Fábio Lordello, os quatro homens foram presos depois que a equipe de investigação obteve a informação que uma agência bancária no município de Terra Nova, a 85 km de Salvador, seria a próxima a ser assaltada. “Já estávamos fazendo acompanhamento há algum tempo quando tivemos essa informação e antecipamos a ação. Eles já tinham assaltado as agências do Banco do Brasil de Utinga, Mairi e Baixa Grande”, afirmou o delegado.

Junto com os assaltantes, foram apreendidas armas de grosso calibre enterradas no fundo da residência de Haroldo, na localidade de Pau de Léguas, em Feira de Santana. Dentre as armas, foram encontradas uma pistola calibre 380, uma submetralhadora calibre 40, uma escopeta e um revólver calibre 38. Munição, facas e material para falsificação de documentos também foram encontrados com o grupo.

Haroldo Jesus Brito estava foragido da polícia e Genivaldo Reis dos Santos estava solto devido ao indulto de Natal. Os quatro homens encontram-se presos no Complexo Policial de Feira de Santana e vão responder a processo por formação de quadrilha, roubo, falsificação e porte ilegal de armas.

“Oficialmente, eles já vão responder por esses crimes, mas ainda estamos investigando se há acusação de homicídio ou tentativa de homicídio, caso alguém tenha sido morto ou baleado em uma das cidades”, afirmou o delegado Lordello.