Valmar Hupsel Filho l A TARDE

Naquela que pode ser sua última viagem à Bahia como presidente do Brasil, Lula visita nesta sexta-feira, 10, a cidade de Ilhéus, no sul do Estado (496 quilômetros da capital), onde assina ordem de serviço para a construção do trecho Ilhéus-Caetité, da Ferrovia de Integração Oeste-Leste. No início da noite, em Salvador, Lula participa da solenidade de formatura de alunos do programa Todos pela Alfabetização (Topa).

Em Ilhéus, a cerimônia está marcada para as 14h30, no Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães. Com  530 quilômetros, o trecho em questão corresponde a um terço da extensão total da ferrovia, que vai cruzar todo o Estado no sentido Oeste-Leste, passando por 32 municípios baianos. O investimento é de cerca de R$ 6 bilhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Na capital baiana, por volta das 18 horas, mil alunos formados no Topa, representando todos os territórios de identidade, saudarão o presidente na área externa da Assembleia Legislativa, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). Ao todo  291 mil alunos foram alfabetizados na terceira etapa do programa.

Não haverá alteração no trânsito na região do Centro Administrativo da Bahia (CAB). Os cerimoniais da presidência e do governo não souberam informar se algum ministro estará presente.