WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

ebook gestao financeira


outubro 2010
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


Bahia forma seis mil corretores com expectativa de novas vagas


CORREIO

Depois de focar por vários anos sua carreira profissional no jornalismo, a carioca Fernanda Fernandes Mesquita, que há 17 anos vive na Bahia, resolveu se tornar corretora de imóveis, de olho no crescimento do mercado imobiliário. Ela não está sozinha nessa decisão.

Nos últimos quatro anos, a Bahia ganhou seis mil novos profissionais habilitados para atuar como corretores de imóveis, segundo dados do Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 9ª Região Bahia (Creci).

Atualmente, há 15 mil corretores de imóveis atuando no estado. “Desde a década de 1990, o mundo vivia uma crise no setor imobiliário, que criou um grande déficit habitacional. Com a ampliação das ofertas, surgiu uma demanda por pessoas que pudessem intermediar as vendas dos novos empreendimentos”, diz o vice-presidente do Creci, Nilson Araújo.

Mulheres
O movimento por novos corretores tem destaque para a participação feminina. Dos seis mil novos credenciamentos dos últimos anos, 40% foram destinados para mulheres.

“Vi no trabalho de corretora a chance de ampliar minha renda sem precisar largar as atividades como jornalista. Por já estar no mercado, tenho o diferencial que já tenho nome. Isso aumenta a credibilidade”, conta Fernanda.

Apesar da grande demanda, a capacitação profissional é necessária para obtenção de registro junto ao Creci, o que credencia a pessoa a atuar na intermediação de transações imobiliárias. O órgão valida o credenciamento para profissionais que realizam cursos de capacitação. São duas opções: curso de técnico em transações imobiliárias ou cursos superiores sequenciais e tecnológicos de Ciências Imobiliárias ou de Gestão de Negócios Imobiliários. No curso técnico, eles precisam ser validados pelo Conselho Estadual de Cultura (ver boxe ao lado).

Cuidados
Já para os cursos superiores, o postulante a corretor deve verificar se o curso é aprovado pelo Ministério da Educação. Os cursos duram, em média, 10 meses e custam entre R$ 2 mil e R$ 3 mil. Há ainda no mercado opções para cursos a distância, com duração média de 15 meses e custo total de aproximadamente R$ 2 mil.

Em 19 estados brasileiros há mais de 100 cursos na área de corretores de imóveis, ramo profissional que rende, em média, por mês, cerca de R$ 5 mil. Contudo, os especialistas alertam que o valor depende da atuação do profissional. “Dentro da magnitude do mercado, o céu é o limite. Se o profissional estiver bem preparado, pode ganhar muito mais do que essa média”, destaca Araújo, que atua na área há mais de 30 anos dando, inclusive, aulas em vários lugares do país.

De olho na Copa
O vice- presidente do Creci destaca que a projeção do mercado é que esse boom imobiliário seja prorrogado até a próxima década, o que aumentará a necessidade de novos corretores. “Há uma grande demanda na sociedade por empreendimentos imobiliários, principalmente com a Copa do Mundo e as Olimpíadas brasileiras.

Por esse motivo, há uma grande necessidade de corretores de imóveis”, destaca Araújo, lembrando que muitos profissionais com formação acadêmica variada têm migrado para o setor. “Já tive turmas de novos corretores de imóveis com dentistas, médicos e até engenheiros que viram no ramo imobiliário a chance de melhorar de vida”, diz.

Veja alguns cursos na área:
CURSO TOTAL Salvador, Pituba, Telefone: (71) 33467401 begin_of_the_skype_highlighting              (71) 33467401      end_of_the_skype_highlighting
INSTITUTO ESPAÇO NOVO Salvador, Brotas, Telefone: (71) 33575299 begin_of_the_skype_highlighting              (71) 33575299      end_of_the_skype_highlighting
INSTITUTO de EDUCAÇÃO de TECNOLOGIA (INET)  a distância. Sede em Salvador. Telefone: (71) 32420928/ 32410111

1 resposta para “Bahia forma seis mil corretores com expectativa de novas vagas”

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia