da Agência Brasil

Rio de Janeiro – As vendas no comércio varejista aumentaram 2,0% em agosto deste ano, em relação ao mês anterior. Com o crescimento, o setor completa quatro meses em elevação. Já a receita nominal teve aumento de 1,6%, na oitava alta mensal consecutiva. Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgada hoje (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Segundo o levantamento do IBGE, as vendas cresceram em todas as dez atividades pesquisadas, com destaque para livros, jornais, revistas e papelaria, com aumento de 3,5%, e móveis e eletrodomésticos (2,9%).

Também apresentaram crescimento na passagem de um mês para o outro os setores de artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (2,6%), veículos, motos, partes e peças (2,4%), material de construção (2,0%), tecidos, vestuário e calçados (1,9%), equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (1,3%), hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1,2%), combustíveis e lubrificantes (1,2%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (0,4%).

Em relação a agosto de 2009, o comércio varejista registrou aumento de 10,4% no volume de vendas e também houve expansão em todas as atividades. De janeiro a agosto, o setor acumula crescimento de 11,3%. Nos últimos 12 meses encerrados em agosto, a expansão é de 10,1%.

As taxas de crescimento da receita nominal foram de 12,8% em agosto de 2010 em relação ao mesmo período de 2009, de 14,3% até agosto e de 13,1% no acumulado de 12 meses.