Taxas de abortos chegam a 13 milhões por ano, 62% entre os jovens

 China aplica programa castidade na província de Yunnan

A Província de Yunnan China implementa um novo programa para incentivar a castidade dos alunos, utilizando materiais produzidos pela organização protestante evangélica Focus on the Family.
O programa ensina os alunos o valor da abstinência sexual até o casamento e dá sugestões sobre como responder às tentativas dos rapazes para convencer as meninas a ter relações sexuais prematuras.
O programa está sendo oferecido em resposta ao aumento das relações sexuais entre os adolescentes e jovens da China, informa o jornal espanhol ABC.
Uma pesquisa realizada entre os estudantes universitários da China mostrou que 14,4% disseram ter relações sexuais antes do casamento e 70% consideraram como aceitáveis.

Embora esses números sejam baixos para os padrões ocidentais, causaram preocupação entre os dirigentes políticos da China. A taxa de aborto da China aumenta em 13 milhões por ano. Esse número está relacionado com as relações sexuais entre os jovens, que compõem 62% dos casos.

Gongh Yang, diretor do comitê do departamento provincial de educação disciplinar, disse ao Global China que esses programas que incentivam o sexo só depois do casamento serão introduzidos em outras províncias.
Fonte: Christian Telegraph / Redação CPAD News