O corpo de um recém-nascido, do sexo masculino, aparentemente um mês de nascido, envolvido em quatro sacos plásticos de supermercado, foi encontrado por populares na manhã de quinta-feira (14) no meio do lixo no aterro sanitário de Jequié apresentando perfurações provocadas por urubus e insetos, e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Do Blog do Anderson