do Pernambuco.com

O traficante Erivaldo Vieira foi encaminhado ao presídio Dr. Edvaldo Gomes, em Petrolina

A Polícia apresentou na manhã desta quinta-feira (17) o resultado da operação Quebra Pedra II, que teve início nesta segunda-feira (14). A ação conseguiu prender, no primeiro dia, Erivaldo Vieira Santos, de 29 anos, traficante foragido de Vitória da Conquista, na Bahia, de onde fugiu do presídio, junto a outros 30 internos, utilizando dinamite no muro da unidade carcerária. O criminoso, que também era procurado em São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia, foi localizado dentro de uma luxuosa residência que alegou ser sua, na cidade de Petrolina, no sertão de Pernambuco.

Ontem (16), o balanço do material apreendido na 2ª Delegacia de Petrolina foi fechado. Ao todo foram encontrados nove quilos de pasta base de cocaína, 800 gramas de crack, 70 kg de maconha, máquina de prensar, além de R$ 1,6 mil, um fuzil, insumos químicos para produção de pedras de crack e vários documentos falsos. O veículo do acusado, um Fiat Strada também foi apreendido.

 De acordo com o delegado da cidade, Manuel Martins, a investigação durou cerca de 30 dias e representa um importante passo para desarticular o narcotráfico na região. “Existem mais de nove mandados de prisão preventiva contra o acusado. Sem dúvida é um dos maiores traficantes influentes de Pernambuco e o elo de ligação de uma grande organização criminosa que pratica tráfico de drogas em vários estados da federação”, informou.