Folha/ Agência Brasil

A partir da 0h de segunda-feira (30), os 2,5 milhões de estudantes que participaram do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) poderão acessar seus boletins de desempenho no site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais). Os resultados já tinham sido divulgados em janeiro durante o período de inscrição no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), mas agora os boletins estarão disponíveis em PDF.

Para consultar os resultados, o estudante precisa ter em mãos o número do CPF e a senha gerada durante o período de inscrição da prova. No sistema, o aluno terá disponível as notas de cada uma das provas –ciências da natureza, ciências humanas , linguagens e matemática –além da redação. Será possível comparar a média obtida com a do restante dos participantes do exame.

Desde o ano passado, o Enem utiliza a TRI (Teoria de Resposta ao Item) para calcular as notas do participante. O objetivo desta metodologia é medir o conhecimento a partir do comportamento observado nas provas.

Na escala construída pelo Inep, a nota 500 representa a média obtida por aqueles que concluíram o ensino médio em 2009 –com exceção dos egressos (que no passado já havia concluído o ensino médio) e dos “treineiros” (alunos que ainda não concluíram).

Quanto mais distante de 500 for a nota do estudante, para cima, melhor foi o desempenho dele em relação à média dos participantes. E quanto mais distante de 500 for a nota, para baixo, significa que esse candidato foi pior em relação à média.