A Folha

Informações da polícia da capital jamaicana, Kingston, confirmam que ao menos 27 pessoas, em maioria civis, morreram após confrontos entre autoridades e narcotraficantes. Os embates deixaram também ao menos 30 feridos e 211 pessoas foram detidas durante as ações contra gangues na cidade.

Um porta-voz da polícia acrescentou detalhes incluindo a “morte de um membro das forças de segurança e mais sete feridos”, segundo o comunicado divulgado, e afirmou que “muitas outras pessoas morreram em outros locais” vítimas da violência gerada na busca ao narcotraficante Christopher “Dudus” Coke na capital.