ANA MANOELA TINHA NOVE ANOS E SAIA DE UM CULTO NA IGREJA METODISTA DE EUNAPÓLIS, QUANDO NO CAMINHO PARA SUA CASA FOI RAPTADA E MORTA POR UM EX NAMORADO DE SUA TIA

EUNÁPOLIS – Chegou ao fim, nesta segunda-feira (24), e da pior forma possível, a angustiante busca pela criança Ana Manoela Marques Santos, nove anos. Ela foi encontrada morta, no começo da noite, no loteamento Globo, ao lado do bairro Urbis II e às margens da BR-101, na cidade de Eunápolis.

‘Ela participava do coral da igreja e da escola dominical. Gostava muito de cantar e louvar ao senhor. Era ativa em todas as suas atividades. Esta violência é o retrato de uma sociedade sem Deus. É a degradação do ser humano’, disse o pastor Itamar Pedro Aguiar. Manoela morava com os avós maternos no bairro Pequi. A mãe reside em Itabuna.
Ana Manoela, que tinha sido raptada por um homem na tarde de sábado (22), foi estuprada e morta, possivelmente, com uma pedrada na cabeça. A pedra estava ao lado do corpo. A garotinha estava sem a calcinha e com o vestido levantado. Os peritos confirmam que o autor agiu com muita violência.
O principal suspeito, Erasmo dos Santos Gonçalves, 31 anos, já namorou com a tia da criança. Manoela por esse motivo devia confiar nele. Os policiais encontraram, na casa do suspeito, evidências de que ele pode ter levado a criança inicialmente para sua residência, onde, provavelmente, também a violentou.

ESSE É O SEGUNDO CASO DE ESTUPRO E MORTE DE CRIANÇA QUE OCORRE EM MENOS DE UMA SEMANA NO SUL/SUDOESTE DA BAHIA.

Foto/fonte: Radar 64/Porto Seguro