Policiais da 16ª Delegacia (Pituba) capturaram, no domingo (16) e nesta segunda-feira (17), quatro integrantes da quadrilha que invadiu a churrascaria Candeal, na Rua das Acácias, bairro da Pituba, no dia 5 deste mês, quando acontecia o jogo Vasco X Vitória, pela Copa do Brasil. Os assaltantes foram reconhecidos pelo circuito interno de segurança instalado no estabelecimento comercial.

Foram presos, em Cações, na Ilha de Itaparica, Danilo Chagas de Carvalho, conhecido como Celo ou Neguinho, e Rafael Barbosa Damasceno, o Caveira. Além deles, Hélio Ferreira Santos, o Nelinho, e um adolescente foram presos na Capelinha de São Caetano. O menor foi encaminhado para a Delegacia do Adolescente Infrator (DAI), em Brotas.

“Fizemos operações durante todo o fim de semana para coibir este tipo de delito. Já tivemos uma diminuição considerável no número de roubos em coletivo e também no número de homicídios. Está sendo feito aumento do policiamento, de viaturas, além de recomposição dos efetivos policiais, com mais de 3,2 mil homens para que possamos oferecer um policiamento mais efetivo e ostensivo”, revela o secretário de Segurança Pública, César Nunes.

Segundo o delegado-chefe da Polícia Civil, Joselito Bispo, a Pituba não tem um índice de criminalidade alto. “Temos operações voltadas para o bairro, como também para o Nordeste de Amaralina e Subúrbio Ferroviário, onde o número de homicídios é maior. Temos que ter essa atenção em toda a cidade”, reafirma. Bispo ressaltou que existe uma estratégia de policiamento para cada local.

Os três estão presos temporariamente na 16º Delegacia até a conclusão das investigações. Estão foragidos Danilo Silva de Jesus, o Danilo Maconha, acusado de ter planejado o roubo e fornecer o armamento usado na ação, e Thiago Santos do Sacramento, o Tico Preto. Um homem de prenome Jonatas, o Capoeirista, que também integrava a quadrilha, foi morto em confronto com outros bandidos em Capelinha de São Caetano.

“A polícia chegou por meio informações. Conseguimos qualificá-los, identificá-los e prendê-los. Eles têm pelo menos dois assaltos na Pituba, praticam crimes contra o patrimônio e alguns já cometeram homicídios. Isso vamos apurar no curso da prisão temporária”, esclarece o delegado titular, Carlos José Habib de Lima, da 16ª Delegacia.

Ainda segundo a polícia, este mesmo grupo já havia roubado a mesma churrascaria um mês antes e já tinha assaltado outras casas comerciais. A quadrilha também é investigada por tráfico de drogas, no bairro da Capelinha, e homicídios.

Durante o assalto, os bandidos roubaram uma televisão de 32 polegadas, além de pertences de, pelo menos, 60 clientes. Os assaltantes fugiram em um Gol de cor prata e um Fiat Palio, que não tiveram as placas anotadas.

AGECOM/BA