Policiais militares da equipe Águia XXI prenderam nesta quarta-feira(12), José Carlos Lima, o “Guardinha” de 55 anos, acusado de abusar sexualmente de uma criança de três anos. 
 Segundo informou o soldado Ualace, a criança tinha ido para casa de uma tia na rua em que mora, porém no meio do caminho o homem a  convidou para casa dele, oferecendo-a pão-de-ló, ela aceitou e ficou pelo menos duas horas com o acusado, até começarem as buscas.
 Ao encontrá-los, a população se revoltou e tentou linchar o indivíduo, mas a PM chegou a tempo de prendê-lo.
 Conforme depoimento colhido pela delegada Ivete Santana, titular da DEAM (Delegacia Especial de Atendimento a Mulher). 
 
A criança com uma voz doce e inocente descreve com detalhes as barbaridades praticadas pelo Guardinha. “Ele me deu pão e depois falou que tinha morar (namorar) com ele”.
 
A garotinha ainda conta que ele após entregar o pão, enfiou a mão no seu órgão sexual dela, depois colocou o pênis para fora da calça e se acariciava para ela, mas não houve penetração. Do Radar Noticias