Sete pessoas foram baleadas em um atentado ocorrido por volta das 22h30 de quarta-feira (21) na rua 06 de janeiro no final de linha do bairro Uruguai, Cidade Baixa de Salvador, sendo que um destes, além de ser Sargento da policia militar, era o dono do bar onde ocorreu o crime. De acordo com a 3ª Delegacia (Bonfim), a região é conhecida por ser ponto de tráfico de drogas.

As sete vítimas estavam dentro do estabelecimento quando, de repente, pelo menos cinco pessoas divididas em dois carros passaram atirando contra todos que estavam no bar e, segundo testemunhas, nem chegaram a parar os carros. Um dos baleados foi José Roque Oliveira de Jesus, Sargento da Policia Militar lotado na 37ª Companhia Independente da Polícia Militar na Liberdade.

José foi atingido nas nádegas e atendido no hospital da Cidade, no bairro Caixa D’água. O Sargento já foi medicado, liberado, está em casa e passa bem, de acordo com informações de policiais da 37ª CIPM. Outras cinco vítimas foram socorridas para um hospital em bairro próximo, o Ernesto Simões, no Pau Miúdo, e não correm riscos de morte.

Os baleados foram Jeferson Nascimento Procópio, 32 anos, Hugo Oliveira de Jesus, 30, Maria Cristina dos Santos, 39, Daiane Caroline de Oliveira, 27, Josevaldo Oliveira de Jesus, 32. Segundo o oficial de plantão da 3ª Delegacia algumas destas pessoas são usuárias de drogas. Já Alan Carlos Alcântara Campos, que foi atingido na mão e levado para o PAN de Roma tem passagem na polícia por roubo.

O posto policial do hospital Ernesto Simões informou que as vítimas não foram liberadas e que Josevaldo Oliveira de Jesus, baleado no abdômen, está em estado grave e passa por cirurgia. O motivo e a autoria do crime ainda é desconhecido pela polícia civil que investiga o crime.

Correio