Lenon Santos Barros Sales, 18 anos e Gilvan Santos Chaves, 36, foram presos quinta-feira (15) em Tanhaçu, no sudoeste baiano após serem pegos em flagrantes por policiais militares a bordo de um veículo, com armas, munição, cordas, um alicate de pressão industrial e uma touca tipo “brucutu”. Outros dois homens identificados como Jucimar Florentino e Ricardo Pereira conseguiram escapar ao cerco policial.

De acordo com o delegado Elvander Rodrigues de Miranda, da 20ª Coorpin (Coordenadoria Regional de Polícia) de Brumado, os quatro homens trafegavam por um desvio, na região de uma fazenda, em um Palio Weekend, de placa LCQ-5752. Quando foram abordados pelos PMs, tentaram fugir, mais dois deles foram alcançados.

No interior do veículo os policiais encontram uma cartucheira calibre 28, um rifle calibre 32, de fabricação artesanal, munição, uma lanterna, pedaços de corda, o alicate de pressão e a máscara. A polícia suspeita que o grupo encaminhado à Delegacia de Tanhaçu planejava realizar assaltos na região.

Lenon e Gilvan foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma e estão custodiados na carceragem da unidade policial da cidade. As diligências continuam com o intuito de capturar Ricardo e Julcimar, sendo que este último têm passagens pela polícia por roubo. As Informações são da SSP /Blog da Anderson