A deputada estadual Maria Luiza (PSC), que outrora tinha Deus no céu e Geddel Vieira Lima na terra, agora mudou de idéia e decidiu desancar o ex-ministro da Integração Nacional durante seu discurso, proferido nesta terça (13) na Assembleia Legislativa. Sem papas na língua, a deputada disse que não se aliaria ao projeto do peemedebista porque não cederia a nenhum tipo de chantagem. Segundo ela, o marido, prefeito de Salvador, João Henrique, até poderia se submeter a este tipo de prática condenável porque responde pela cidade e procura fazer o melhor pela capital, mas que a própria Maria Luiza não tinha nenhuma obrigação de ceder. Logo depois, afirmou também que desistiu da própria candidatura a deputada federal, aquela que almejava quando deixou o PMDB no fim do ano passado para ingressar em sua atual legenda.
Bahia Noticias