Fernando Alonso, líder do campeonato e vencedor do GP do Bahrein, disse que é muito cedo para afastar Michael Schumacher e Nico Rosberg da luta pelo título apesar do começo ruim da Mercedes em 2010. A equipe alemã ainda não conseguiu um pódio e andou longe do ritmo dos três principais times. Mas o espanhol da Ferrari acha que eles ainda podem reagir.

‘ No momento, a Mercedes talvez não seja rápida o suficiente se comparada à RBR ou à Ferrari, mas ainda acho que ela, com Nico e Michael, poderá reagir em algum ponto do campeonato, talvez aqui, na China ou em Barcelona. O campeonato é muito longo, Schumacher sempre será um competidor.

O espanhol disse que a RBR é a rival mais forte neste momento, mas falou sobre o perigo de Mercedes e McLaren. Ele quer que a Ferrari continue a evoluir o F10.

‘Nossas principais rivais neste momento são a McLaren, a RBR e a Mercedes, mas só saberemos mais tarde neste ano quais dos oito pilotos disputarão o título. Após duas corridas apenas, todos estão na luta. A equipe austríaca é, provavelmente, a mais rápida e é quem temos de olhar no momento. Quando eles tiverem um fim de semana perfeito, poderão fazer uma dobradinha. Por isso, não podemos relaxar, temos de melhorar o carro.

O piloto da Ferrari, que terminou em quarto na Austrália apesar de uma rodada no início da corrida, disse que o resultado em Melbourne foi bom. No entanto, o espanhol acha que poderia ter vencido o GP.

‘Foi um grande show para todos, uma boa corrida para assistir e também gostosa de dentro do cockpit. O carro era rápido o bastante para me deixar ultrapassar após ir para a última posição. O quarto lugar acabou sendo uma boa recompensa para a equipe e estou extremamente feliz com isso. Talvez eu tenha perdido a oportunidade de vencer na rodada da primeira curva, mas isso acontece. As informações são do Globo Esporte.com.