O município de Feira de Santana vai sediar, nos dias 17 e 18, o I Congresso das Guardas Municipais do Estado da Bahia. O evento que tem como tema “A inclusão dos municípios como agente de prevenção à violência”, vai reunir, no Centro Cultural Amélio Amorim, representantes de diversas classes da sociedade.

Promovido pela Associação das Guardas Municipais de Feira de Santana (AGMFS), Prefeitura, Guarda Municipal de Feira de Santana e Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e promoção dos Diretos Humanos (SEPREV), o I Congresso das Guardas Municipais do Estado da Bahia tem como objetivo reunir os Guardas Municipais do Estado, para que juntos possam discutir sobre os direitos pleiteados pela categoria.

“A implantação do plano de carreira para valorização do profissional das Guardas Municipais e suas atribuições”, com o teólogo Marcos Adriano dos Santos, assim como “O reconhecimento das atividades periculosas dos profissionais das Guardas Municipais”, que será abordado pelo deputado federal Roberto Britto (PP/BA), são alguns dos temas que compõem a programação do Congresso, na Cidade Princesa.

De acordo com o Guarda Municipal e Presidente da Associação das Guardas
Municipais de Feira de Santana (AGMFS), Marcos Vinícius Alves dos Santos, o evento vai permitir que sejam colocados em pauta assuntos importantes como a regulamentação da profissão do Guarda Municipal, defendido pelo deputado Arnaldo Farias de Sá, através da PEC 534/02 e a instituição do adicional de periculosidade de 30% da remuneração, apresentado no PL 6372/09, do deputado Roberto Britto.

Representantes da Polícia Militar, Polícia Civil, Defesa Civil, Policia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Bombeiros, PRONASCI e demais órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública do Brasil integram a lista dos presentes no evento.

Núcleo de Notícias